Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Atual campeão, Flamengo estreia na Libertadores vencendo o Junior Barranquilla

Junior-Barranquilla-Flamengo-Libertadores-Futebol-Latino-Lance-04-03
Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

Em muito pela superioridade técnica, o Flamengo fez valer seu favoritismo na primeira rodada do Grupo A da Copa Libertadores indo a Colômbia e vencendo por 2 a 1 o Junior Barranquilla no estádio Metropolitano. Os dois gols do Rubro-Negro foram marcados pelo meio-campista e capitão da equipe no jogo, Everton Ribeiro, enquanto Teo Gutiérrez marcou o tento do time anfitrião.

Leia mais: Jorge Wilstermann joga melhor e vence Colo Colo na estreia da Libertadores
Independiente del Valle comanda o jogo e bate o Barcelona de Guayaquil

Primeiro tempo

Cinco minutos. Foi esse o tempo que a equipe do Flamengo precisou para aplicar o seu já sabido estilo de jogo baseado na alta rotatividade tanto na troca de passes como ocupação dos espaços com Vitinho dando passe no lado esquerdo para Arrascaeta, rapidamente, evoluir na jogada mandar em diagonal para a área.

Everton Ribeiro aproveitou a bola que passou por Gabriel dentro da grande área e bateu de primeira no canto esquerdo de Sebastián Viera.

Na base da condição técnica, o time carioca conseguiu, em grande parte do confronto durante os 45 minutos iniciais, esteve controlando a partida e fazendo com que o Junior precisasse correr atrás do adversário. Sem conseguir, com isso, fazer a imaginada pressão pelo fato de atuar como mandante e diante da boa presença de público no estádio Metropolitano.

Apesar disso, em duas finalizações fortes por intermédio dos atacantes Borja e Teo Gutiérrez, os Tiburones chegaram a ameaçar a liderança flamenguista do placar antes do intervalo.



Segundo tempo

Nos primeiros minutos, o Fla voltou com um ritmo de jogo mais intenso do que havia implementado na primeira parte do confronto. Exemplificando essa subida de volume, Gabriel teve duas grandes oportunidades de marcar além de Thiago Maia, em cobrança de escanteio, testar bola que assustou a meta de Viera.

Depois dos primeiros 15 minutos, o Junior pareceu entender melhor a forma de conter o ímpeto flamenguista e conseguiu, aos poucos, ele também ser insinuante para buscar o resultado de igualdade jogando em casa.

A melhoria dos colombianos no jogo também resultaram em oportunidades concretas com Teo Gutiérrez acertando voleio para linda defesa de Diego Alves além do jovem Edwin Cetré, em jogada espirrada pela zaga do Flamengo, bater forte bola que passou por sobre o travessão.

Apostando justamente na característica que o fez ser alvo do Flamengo no mercado, o atacante Michael, que entrou na segunda parte, foi protagonista do lance que resultou no segundo gol do time visitante. Em bola lançada por Gabriel, o número 19 correu nas costas de Fuentes e tocou pro meio onde Everton Ribeiro entrou em condições de tocar por sobre Viera e aumentar a dianteira do time brasileiro.

Já nos acréscimos, em cobrança de falta, Sherman Cárdenas mandou na área e, depois de um desvio antes da bola entrar na área, Teo apareceu com liberdade para bater na saída de Diego Alves e fazer o gol que diminuiu a desvantagem do Junior, mas não modificou o panorama do confronto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2019