Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Batistuta, por dores intensas, fará cirurgia de prótese no tornozelo

Foto: AFP

Em declaração veiculada pela versão argentina da emissora de TV Fox Sports, o ex-atacante Gabriel Batistuta voltou a falar do delicado tema de suas dores na região do tornozelo como fruto de sua carreira como atleta profissional de Newell’s Old Boys, River Plate e Boca Juniors além dos italianos Fiorentina, Roma, Inter de Milão e o catari Al-Arabi além da seleção argentina.

Leia mais: Ex-Inter, Jonatan Álvez vai levar puxão de orelha por causa de indisciplina no Equador
Sem resultados, Hernán Crespo é demitido de time sul-americano

Segundo suas palavras, o procedimento cirúrgico sem data especificada será feito na Suíça e se trata da implantação de uma prótese na região do tornozelo:

“Estou caminhando os últimos 17 dias com esse tornozelo, depois verei onde vou colocar. Vou contando os dias. Por enquanto será o esquerdo. O que eu mais espero é não ter dor quando estiver sentado e, depois, poder caminhar. Se eu puder esquiar ou jogar um pouco de golfe, mas a ideia da operação é tirar a dor. De tudo o que tinha e que eu não tenho mais nada.”

Tamanho é o drama vivido pelo ex-atleta hoje com 50 anos de idade que, em entrevista há cerca de quatro anos dada para o veículo TyC Sports, Batigol fez uma revelação chocante:

“Deixei o futebol e, de um dia pro outro, não conseguia caminhar mais. Não foi com um mês, em dois dias já não conseguia caminhar. Eu urinei na cama tendo um banheiro a três metros porque eu não queria me levantar.”

Clinicamente, a prótese é a alternativa mais moderna para pessoas que sofrem com problemas de desgaste nessa articulação além de funcionar com mais liberdade de movimentos do que a Artrodese, procedimento onde o osso da articulação é unido. Nesse caso, as dores cessam, mas o tornozelo perde sua mobilidade, ficando totalmente rígido.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *