Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Braian Samudio relata sentimento de tensão na Turquia pelo Covid-19

Atacante paraguaio de 24 anos que atuou no futebol brasileiro defendendo o União Barbarense, Boa Esporte e Guarani hoje defende o turco Rizespor
atacante-do-paraguai-comeca-bem-sua-passagem-no-futebol-turco-Futebol-Latino-24-08

Tendo sido o país onde as competições foram interrompidas mais tarde e em muito pela pressão dos atletas, parece que agora a população da Turquia sente os calafrios e clima de tensão pela pandemia do novo coronavírus. A última atualização dá conta de 37 mortes e mais de 1,5 mil infectados.

Leia mais: Walter Samuel é exaltado pelo perfil da UEFA Champions League
Sem espaço com Simeone, Santiago Arias pode atuar por gigante da Itália

Quem faz o relato da situação é o atacante paraguaio Braian Samudio, ex-Guarani e hoje atleta do Rizespor. Além de comemorar a interrupção do futebol, ele diz que locais onde comumente a circulação de pessoas e intensa, nesse momento estão absolutamente vazios. Indicando, assim, o respeito da população com a recomendação de isolamento.

“A principio estávamos jogando de portões fechados, mas estava sendo difícil concentrar nos jogos e felizmente após protestos a competição foi paralisada. Estou mantendo a forma dentro de casa, atendendo ao pedido do clube. Temos que tomar muito cuidado, as pessoas não saem de suas casas, ruas vazias, supermercados vazios, enfim tudo parado por conta do surto”, disse o jogador de 24 anos de idade.



A sua ideia inicial mediante a impossibilidade de jogar era estar perto dos seus familiares no Paraguai. Contudo, em muito pela logística de retornar a Turquia e passar pelo processo de quarentena que atrapalharia no retorno as atividades, ele preferiu seguir na Europa:

“Conversei com os diretores para ver se eu poderia retornar para o Paraguai, mas é impossível porque tenho que entrar em quarentena e se o campeonato recomeçar a partir daí, não estaria lá. Eu também não quero expor minha família, então fico em casa fazendo meus exercícios.”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2019