Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Brasil defende seu título do Superclássico das Américas em Riade

Brasil-Coreia-do-Sul-amistoso-Futebol-Latino-19-11
Foto: Pedro Martins/MowaPress

Brasil e Argentina disputam quem tem a melhor seleção do continente sem consultar Estados Unidos, México, Colômbia, Uruguai, nem os demais. O torneio que era para ter um jogo de ida e um de volta passou a ser uma partida de exibição para os “gringos” verem. Depois de China e Austrália, o sucesso financeiro do ano passado em Jedá fez com que as duas federações retornassem à Arábia Saudita, mas desta vez a peleja acontece na capital Riade. Confira abaixo os prognósticos, de acordo com o Oddsshark.com.

 

Histórico

O Super Clássico das Américas começou a ser disputado em 2011. Em Córdoba, eles empataram sem gols e o Brasil venceu em Belém por 2 a 0.

No ano seguinte, o bicampeonato veio nos pênaltis. Em Goiânia, os brasileiros se impuseram por 2 a 1 mas perderam em Buenos Aires pelo mesmo placar.

Em 2014, Beijing acolheu a partida que terminou 2 a 0 para a Verde e Amarela.

Em 2017, a Argentina impediu o nosso tetra ao nos bater por 1 a 0 em Melbourne.

No ano passado, Jedá recebeu espetáculo que terminou 1 a 0 para os comandados de Tite.

Confira outras estatísticas na plataforma do Spin Sports.

 

Os Convocados do Brasil:

Goleiro: Alisson (Liverpool/ING), Daniel Fuzato (Roma/ITA) e Santos (Athletico-PR).

Defensores: Thiago Silva (Paris Saint-Germain/FRA), Marquinhos (Paris Saint-Germain/FRA), Danilo (Juventus/ITA), Alex Sandro (Juventus/ITA), Éder Militão (Real Madrid/ESP), Renan Lodi (Atlético de Madrid/ESP), Felipe (Atlético de Madrid/ESP) e Emerson (Betis/ESP).

Meias: Casemiro (Real Madrid/ESP), Philippe Coutinho (Bayern de Munique/ALE), Willian (Chelsea/ING), Arthur (Barcelona/ESP), Fabinho (Liverpool/ING), Lucas Paquetá (Milan/ITA) e Douglas Luiz (Aston Villa/ING).

Atacantes: Roberto Firmino (Liverpool/ING), Gabriel Jesus (Manchester City/ING), Richarlison (Everton/ING), Rodrygo (Real Madrid/ESP) e Wesley (Aston Villa/ING).

 

Os Convocados da Argentina

Goleiros: Agustín Marchesín (Porto/POR), Juan Musso (Udinese/ITA), Esteban Andrada (Boca Jrs.) e Emiliano Martínez (Arsenal/ING).

Defensores: Juan Foyth (Tottenham/ING), Nicolás Tagliafico (Ajax/HOL), Renzo Saravia (Porto/POR), Germán Pezzella (Fiorentina/ITA), Walter Kannemann (Grêmio/BRA), Marcos Rojo (Manchester United/ING), Nicolás Otamendi (Manchester City/ING) e Nehuén Pérez (Famalicão/POR).

Meias: Leandro Paredes (Paris Saint-Germain/FRA), Roberto Pereyra (Watford/ING), Marcos Acuña (Sporting/POR), Lucas Ocampos (Sevilla/ESP), Rodrigo de Paul (Udinese/ITA), Nicolás Domínguez (Vélez Sarsfield), Giovani Lo Celso (Tottenham/ING) e Guido Rodríguez (América/MEX).

Atancates: Sergio Agüero (Manchester City/ING), Lionel Messi (Barcelona/ESP), Lucas Alario (Bayer Leverkusen/ALE), Paulo Dybala (Juventus/ITA), Lautaro Martínez (Internazionale/ITA) e Nicolás González (Stuttgart/ALE).

 

Brasil x Argentina

É raríssimo escrever isso mas o Brasil não vence a quatro compromissos: derrota para o Peru e empates com Colômbia, Senegal e Nigéria. Os amistosos no Oriente Médio servem para motivar o grupo e tentar extrair o máximo dos atletas convocados – o Brasil pega a Coreia do Sul em Abu Dhabi na terça-feira.

Neymar, o craque da esquadra pentacampeã mundial, está passando por uma má fase e tem problemas físicos. Por isso, fico de fora da lista.

A Argentina tem conseguido bons resultados ano. Terceira colocada da Copa América, venceu dois e ganhou dois amistosos depois do torneio: triunfos sobre México e Equador e empates com Chile e Alemanha.

 

Palpite

Eles empatam a R$ 3,27 / 1, segundo o Spin Sports. O triunfo brasileiro está cotado a R$ 2,73 / 1 e o argentino a R$ 2,61 / 1.

 

Amistosos(odds publicados pelo Spin Sports):

Quinta-feira, 14 de novembro:

20h00: Bulgária x Paraguai

22h00: Equador x Trinidad & Tobago

22h30: Peru x Colômbia

 

Sexta-feira, 15 de novembro:

15h00: (R$ 2,73) Brasil x Argentina (R$ 2,61) (Empate R$ 3,27)

15h00: Hungria x Uruguai

 

Segunda-feira, 18 de novembro:

17h15: Argentina x Uruguai

 

Terça-feira, 19 de novembro:

09h25: Japão x Venezuela

11h30: Brasil x Coreia do Sul

15h00: Arábia Saudita x Paraguai

23h00: Equador x Colômbia

23h30: Peru x Chile

 

Apostas Futuras (Outrights) pelo título da Copa do Mundo (segundo o Oddsshark.com):

1º Brasil – R$ 6,50 / 1.

2º Alemanha – R$ 8,00 / 1.

2º Espanha – R$ 8,00 / 1.

2º França – R$ 8,00 / 1.

5º Argentina – R$ 11,00 / 1.

6º Bélgica – R$ 13,00 / 1.

6º Inglaterra – R$ 13,00 / 1.

8º Holanda – R$ 17,00 / 1.

8º Itália – R$ 17,00 / 1.

8º Portugal – R$ 17,00 / 1.

11º Colômbia – R$ 41,00 / 1.

11º Croácia – R$ 41,00 / 1.

11º Uruguai – R$ 41,00 / 1.

14º Chile – R$ 51,00 / 1.

15º México – R$ 67,00 / 1.

16º Dinamarca – R$ 101 / 1.

16º Estados Unidos – R$ 101 / 1.

16º Paraguai – R$ 101 / 1.

16º Sérvia – R$ 101 / 1.

16º Suécia – R$ 101 / 1.

21º Áustria – R$ 151 / 1.

21º Bósnia & Herzegovina – R$ 151 / 1.

21º Catar – R$ 151 / 1.

21º Noruega – R$ 151 / 1.

21º País de Gales – R$ 151 / 1.

21º Polônia – R$ 151 / 1.

21º República Checa – R$ 151 / 1.

21º Rússia – R$ 151 / 1.

21º Suíça – R$ 151 / 1.

21º Turquia – R$ 151 / 1.

21º Ucrânia – R$ 151 / 1.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *