Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Brasileiro esbanja confiança em disputa com Cristiano Ronaldo pela artilharia de 2020

maior-artilheiro-do-futebol-sul-coreano-junior-negao-quer-o-titulo-da-k-league-em-2020-Futebol-Latino-07-01
Foto: Divulgação

*Por Danilo Di Grado

Sendo um dos principais nomes no elenco do Ulsan Hyundai, Júnior Negão vive uma ótima fase defendendo o clube da Coréia do Sul.

OS_BRAZIL_300x250_2020_Q3_SOC

Leia Mais: Treinador do Barcelona destaca evolução de Philippe Coutinho
Ex-Guarani crê em boa posição de seu time na Liga do Vietnã


Artilheiro do time, o brasileiro segue forte na disputada pela artilharia do mundo com, até o momento, 25 gols marcados. Outros nomes também aparecem na lista como o de Cristiano Ronaldo, que, por sua vez, soma 24 (contando até a última partida disputada pelo português diante da Roma, no último domingo).

Perguntado sobre o fato de estar na frente do jogador da Juventus, Júnior admitiu que ficou surpreso. Para ele, é um reconhecimento de tudo o que tem feito até então em 2020.

“Eu não sabia (…) Quando eu vi a foto da lista, até perguntei para a minha esposa: ‘isso aqui é verdade?’. É uma honra imensa. Óbvio, não dá para comparar as ligas, mas você está numa lista com Cristiano Ronaldo, Messi, Lewandowski, já é uma honra imensa, ainda mais você estando no topo desta lista. Realmente foi um reconhecimento de tudo o que eu tenho feito neste ano, que me deixou muito feliz, e também acaba me trazendo mais responsabilidade. Eu costumo dizer que difícil não é chegar no topo, mas se manter lá”, declarou em entrevista ao ‘Goal Brasil’.

Sobre permanecer na briga pelo topo da artilharia, o atleta do Ulsan ressaltou que continuará com o mesmo preparo, destacando sua humildade diante da possibilidade de ficar em primeiro lugar.

“Você conquistar isso, que eu estou conquistando, ter este privilégio de estar em primeiro, é óbvio que hoje eu posso te falar que vou buscar isso. Não tenho outra motivação (…) Do mesmo jeito que me preparei para estar no topo desta lista, vou continuar com este mesmo preparo, talvez até mais, para manter isso. Com toda a humildade do mundo, te confesso que tem a possibilidade, sim, de eu terminar em primeiro lugar. Mas, óbvio, estamos falando de Cristiano Ronaldo, Messi, Neymar, Lewandowski… é outro nível. Mas é como eu falei, ainda que medindo as proporções das ligas, vou buscar sempre estar marcando, sempre estar fazendo meus golzinhos para estar brigando nesta lista”, finalizou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *