Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Caçula, Gran Valencia Maracay não tem um triunfo sequer na elite venezuelana

Após começar com dois empates, clube de Carabobo perdeu quatro seguidas e não conseguiu marcar um gol sequer com bola rolando na temporada

*Por Vinicius Fernandes

A temporada 2020 do Campeonato Venezuelano está paralisada em função da pandemia do novo coronavírus (COVID-19). Em função do rebaixamento do Llaneros de Guanare por decisão administrativa da Federação Venezuelana de Futebol, são 19 clubes na Primeira Divisão, com destaque para o Gran Valencia Maracay Fútbol Club, estreante na elite nacional.

Leia mais: Walter Montillo emociona fãs em vídeo com o filho na rede social
Presidente da Federação Venezuelana de Futebol renuncia ao cargo

O GV Maracay, fundado em 2014 na cidade de Valencia, estado de Carabobo, foi o vice-campeão da Segunda Divisão de 2019, e manda seus jogos no estádio Giuseppe Antonelli, em Maracay, capital do município de Girardot e do estado de Aragua, com capacidade para oito mil espectadores.

A estreia foi fora de casa, num dérbi contra o Carabobo, que terminou empatado por 0 a 0. Em seguida, novo empate, também por 0 a 0, como mandante, diante do Yaracuyanos, numa reedição da final da segundona de 2019. Depois, quatro derrotas consecutivas: 0 x 1 Atlético Venezuela (f), 1 x 2 Metropolitanos (f), 1 x 2 Mineros de Guayana (c) e 0 x 3 Monagas (f). Asim, com apenas dois pontos ganhos, o Gran Valencia ocupa a 18ª (penúltima) posição, ainda sem um triunfo sequer.

Leonardo Falcón, contra, marcou o primeiro gol do GV Maracay em  sua história na primeirona venezuelana. Joel Infante, de pênalti, foi o primeiro jogador do clube a balançar as redes adversárias. Com isso, ainda não houve um gol do caçula com bola rolando. No elenco comandado pelo técnico Bladimir Morales há apenas um estrangeiro: o meia argentino Alfredo Blancq, de 22 anos.

A Primeira Divisão de 2020  sofreu uma mudança no formato em relação ao ano passado e não terá mais as disputas do Torneo Apertura (começo do ano) e Torneo Clausura (metade do ano). Este ano, o certame será disputado em três fases: regular (pontos corridos em turno e returno, com o último colocado sendo rebaixado). Os oito melhores vão à fase de grupos, em dois quadrangulares, com turno e returno. O primeiro de cada vai à final, realizada em partidas de ida e volta.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2019