Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Chicharito teria aceitado a proposta feita pelo Los Angeles Galaxy

Após a possível resposta positiva ter sido dada pelo atacante mexicano, faltariam detalhes para ele deixar a Europa e desembarcar na Major League Soccer
chicharito-explicacao-sua-opcao-pelo-sevilla-a-outras-propostas-Futebol-Latino-18-10

O futuro do atacante mexicano Chicharito Hernández parece cada vez mais conectado com a  especulada movimentação para o futebol dos Estados Unidos, mais precisamente para o Los Angeles Galaxy.

Leia mais: Coritiba recebe visita ilustre de Rafinha no Couto Pereira
Time da segunda divisão chilena anuncia veterano Humberto Suazo

Segundo uma emissora de TV localizada no país natal do atacante, a TUDN, o atleta teria aceitado a proposta do clube de Los Angeles que o remuneraria na casa de 7,2 milhões de dólares (R$ 29,8 milhões) por temporada.

Entre os clubes, as negociações com o Sevilla (Espanha), dono de seus direitos, custariam aos cofres do Galaxy 10 milhões de dólares (R$ 41,4 milhões), pouco mais do que os 7,7 milhões de euros (R$ 35,3 milhões) pagos ao West Ham (Inglaterra) pelo clube da Andaluzía em setembro de 2019.

A possibilidade de Chicharito ir para a Major League Soccer aparece pouco menos de três meses onde, em entrevista, ele disse justamente que havia optado pelo futebol espanhol a outras propostas por não gostar de se sentir em algo semelhante a uma zona de conforto:

“Por paixão, por amor, porque a minha maneira de viver é assim. As minhas ideias colocadas na balança me colocaram aqui e logo saberemos se fiz certo ou não em voltar a Espanha. Porque eu não posso fazer a melhor temporada de todas na Europa com 31 anos. Se você rende e dá tudo pela equipe, se o treinador está contente e te dá confiança, dá no mesmo. Me atraía muitíssimo essa instituição e vale a pena estar aqui ganhando mais ou menos dinheiro. Sei o que é estar na Liga e queria viver esse projeto, me atraía muitíssimo ser parte disso. Coloquei na balança junto a renovar na Inglaterra, voltar para o México, estar nos Estados Unidos, Ásia… Eu preferia estar no Sevilla. Seria ruim estar na mesma zona de conforto, seguir a mesma linha.”, disse em outubro do ano passado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2019