Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on print
Print

“Clamor popular” é atendido e Villegas assume a seleção da Bolívia

Atual campeão do Clausura com o San José e maior vencedor de torneios nacionais, Eduardo Villegas era o nome preferido dos torcedores da Bolívia
clamor-popular-e-atendido-e-villegas-assume-a-selecao-da-bolivia-Futebol-Latino-15-01

Finalmente chegou o seu momento. Em anuncio feito na tarde da última segunda-feira (14) pela Federação Boliviana de Futebol (FBF), foi informado que o técnico Eduardo Villegas será o próximo treinador da seleção da Bolívia.

Leia mais: Ingleses falam em chegada de Malcom ao Tottenham por lesão de Kane
Torcedor do River Plate faz tatuagem em homenagem a Juan Fernando Quintero

Apesar da informação inicial indicar um acerto pelos próximos quatro anos, período de duração do ciclo até o Mundial do Catar em 2022, o presidente da entidade, César Salinas, ressaltou que a FBF ficará atenta ao desempenho da equipe:

“De cara teria que ser de quatro anos, mas também mandam os resultados esportivos. Não quero pensar que irá mal, mas temos que nos resguardar como federação.”

O fato de Villegas não ter amarras de burocracia elevada junto ao time de Oruro acabou pesando favoravelmente ao profissional de acordo com as palavras de Salinas:

“Na conversa que tivemos com ele, ele manifestou que não tinha contrato assinado, que estava com um contrato verbal com o San José e que tinha seu caminho livre.”

A escolha de Eduardo Villegas também possui cunho populista. Isso porque, dentre os nomes apresentados como concorrentes (os venezuelanos Richard Páez e César Farias além do argentino Gustavo Costas), o agora ex-técnico dos Santos era aquele que mais agradava ao torcedor da La Verde.