Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Coluna de José Calil: Neymar decisivo. De novo

como-os-jogadores-de-futebol-investem-seu-dinheiro-Futebol-Latino-20-04
Foto: Denis Charlet/AFP

Como já tinha acontecido no próprio PSG, outras tantas vezes no Santos, no Barcelona e nas conquistas da Copa das Confederações e da medalha de ouro inédita pela Seleção Brasileira, Neymar foi fundamental para o título da Copa da França na última sexta-feira (24). E, pela fase que atravessa, tem tudo para fazer o mesmo na decisão da Copa da Liga da França, contra o Lyon, e no confronto das quartas de final da Champions, diante da Atalanta.

Leia maismEx-zagueiro do Palmeiras marca gol contra bizarro no México; Assista
Liga MX: Em jogo isolado, Pumas estreia com vitória diante do Querétaro

Teria então chegado o tão aguardado momento de Neymar ser coroado o melhor do mundo??? Parece que não.

Em primeiro lugar, tudo indica que não teremos eleições significativas do melhor jogador do mundo neste ano tão excepcional. Mas, ainda que tenhamos, Neymar acaba não figurando nem na lista dos mais cotados. E por que???

Capacidade não lhe falta. Desculpe a sinceridade, mas quem coloca em dúvida a qualidade do trabalho que Neymar realiza dentro de campo deveria procurar outra coisa para fazer na vida ao invés de analisar futebol. O que acontece então???




O grande problema é que Neymar precisa parar de ser notícia pelo que faz fora de campo. Ninguém aguenta mais acessar um site, abrir um jornal, ligar um rádio ou uma TV e se deparar com informações desagradáveis que nada têm a ver com o jogo, ostentações antipáticas e absolutamente desnecessárias, coisas ruins que acabam atraindo outras coisas ruins.

Alguém que tem tantas pessoas ao redor, assessor para ajudar a amarrar a chuteira direita, outro para fazer a mesma coisa na esquerda, deveria urgentemente montar uma estrutura de apoio emocional. Neymar precisa se fortalecer como ser humano. Precisa adequar seu comportamento ao maravilhoso futebol que pratica. Agindo assim ele já pode mandar fazer o terno para receber a Bola de Ouro. E ela virá naturalmente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *