Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Cria da base do Santos terá primeira experiência no futebol europeu

cria-da-base-do-santos-tera-primeira-experiencia-no-futebol-europeu-Futebol-Latino-14-08
Foto: Divulgação/MS+ Sports

O atacante Diego Cardoso, de 26 anos de idade, rescindiu com o Botafogo-SP para assinar contrato com o Botev Plovdiv, clube da primeira divisão da Bulgária. O tempo de contrato com o clube búlgaro será de dois anos.

Leia mais: Futebol da Ásia sobe oferta milionária por estrela da América do Sul
Famoso ex-jogador chama Diego Simeone de “lunático”

O jogador, que é formado nas categorias de base do Santos, vai atuar pela primeira vez não apenas no futebol europeu como fora do país. No Brasil, o atleta atuou, além do Peixe e do Pantera, por Red Bull Bragantino, Vila Nova e Guarani.

“Estou muito feliz em poder jogar em solo europeu. Era um dos meus objetivos na carreira, e graças a Deus, agora consegui realizar esse sonho. Chego com muita vontade de vencer, jogar e ajudar o clube a alcançar títulos nessa temporada”, afirma Diego.

Nessa temporada, Diego atuou em oito jogos tendo feito apenas um gol pelo Botafogo-SP. A temporada de maior destaque como profissional ocorreu quando Bugre onde, na temporada passada, marcou 11 gols em 32 jogos.

Diego Cardoso levantou algumas taças durante a sua carreira. O atacante conquistou um Sul-Americano pela Seleção Sub-17 (2011), uma Copa do Brasil Sub-20 (2013), duas Copas São Paulo (2013/2014) e um Paulistão no ano de 2015.



Sobre o PFC Botev Plovdiv

O clube disputa a primeira divisão da Bulgária e tem sua sede instalada em Plovdiv. Os jogos do time búlgaro são mandados no Hristo Botev Stadium, que possui capacidade para 18.777 espectadores.

O Botev foi fundado em 1912, ou seja, hoje tem 108 anos. É o mais antigo clube de futebol ainda existente na Bulgária. As cores do clube, amarelo e preto, foram adotadas em 1917.

O time tornou-se campeão nacional pela primeira vez em 1929, ganhando a final contra o Levski Sofia. Em 1967, o novo time de Diego Cardoso foi campeão búlgaro pela segunda vez. Quando o assunto são torneios continentais, o clube disputou a Champions League em uma única oportunidade, mais precisamente na 1967/68.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *