Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

De Rossi convive com questionamentos dentro do Boca Juniors

Volante italiano não consegue recuperar lesão muscular e levanta dúvidas sobre a sua real possibilidade de ajudar o time Xeneize

Dispensado pela Roma, Daniele De Rossi chegou ao Boca Juniors cercado de expectativa e com o status de principal reforço da temporada para ajudar a equipe na disputa da Superliga Argentina e Libertadores da América.

Leia Mais: Ricardo Gareca dá declaração curiosa sobre Christian Cueva
Zagueiro faz crítica a postagem de presidente da Argentina

Pouco mais de três meses depois da sua chegada, o volante ainda não conseguiu engrenar. Um dos motivos é o técnico Gustavo Alfaro, que vê o meio-campista em processo de adaptação ao futebol local e não o coloca para atuar com frequência.

Porém, o principal motivo do momento é a questão física do italiano. Duas semanas antes do primeiro jogo pela semifinal da Libertadores, diante do River Plate, o volante sentiu uma lesão muscular na perna direita e até agora não se recuperou.

Inicialmente, a expectativa era que ele retornasse após o jogo no Monumental e estaria apto a defender o Boca na La Bombonera, mas ao que tudo indica, a previsão não será cumprida.

Com dificuldades para retomar a forma física, De Rossi é visto internamente como carta fora do baralho e existe suspeita sobre a sua real possibilidade de render dentro de campo pelo gigante argentino.

De olho no confronto contra o maior rival, Gustavo Alfaro começa a projetar a equipe e, sem o seu principal astro, que poderia dar raça e técnica no meio-campo, Iván Marcone é o favorito para ficar com a vaga.

error: Futebol Latino 2019