Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

De virada, Jorge Wilstermann vence e garante classificação para fase de grupos da Sul-Americana

Reprodução vídeo CONMEBOL

No estádio Félix Capriles, na cidade de Cochabamba, na Bolívia, o Jorge Wilstermann venceu de virada o Palmaflor pelo placar de 2 a 1 e garantiu a classificação para fase de grupos da Sul-Americana.

O time do Palmaflor abriu o marcador logo no início da partida, mas não conseguiu ampliar a vantagem. O Jorge Wilstermann se aproveitou disso e igualou o placar ainda na primeira etapa. Apesar da pressão do Palmaflor durante todo o segundo tempo, o Jorge Wilstermann conseguiu o gol que sacramentou a classificação no fim do jogo em lance de contra-ataque. O sorteio que decidirá os times de cada grupo acontece na sexta-feira, dia 9 de abril.

 

OS_BRAZIL_300x250_2020_Q3_SOC

Leia Mais: Guabirá vence também o jogo da volta e se classifica para fase de grupos da Sul-Americana

Sul-Americana: De virada, Aragua vence o Mineros de Guayana e avança na competição



O jogo

 

Precisando vencer para reverter a desvantagem da partida de ida, o Palmaflor começou o jogo indo com tudo para cima do Jorge Wilstermann e logo no comecinho achou o primeiro gol. Aos 4 minutos, Jaime Santos levantou a bola na área na medida. Oswaldo Blanco subiu mais que os zagueiros adversários e cabeceou no canto direito do goleiro Giménez para abrir o placar: 1 a 0 para o Palmaflor.

 

Até os 20 minutos da etapa inicial o Palmaflor dominou a partida. O problema é que essa superioridade não era transformada em oportunidades de gol. Pelo contrário, o Jorge Wilstermann não atacava, mas também não sofria na defesa.

 

Como o Palmaflor não assustava, o Jorge Wilstermann resolveu jogar e partiu para cima em busca do empate. As chances mais perigosas contavam sempre com a participação do jogador brasileiro Serginho, que infernizava a defesa do mandante da partida.

 

Mas o passe para o gol de empate saiu dos pés de outro jogador. Aos 28, Patito Rodríguez acertou uma bela assistência para Alejandro Meleán, que com muita categoria jogou por cima do goleiro Salvatierra e marcou um golaço para o Jorge Wilstermann: 1 a 1.

 

No último terço da primeira etapa, o Palmaflor foi para cima do time do Wilstermann em busca de retomar a vantagem. Mas os vários arremates, principalmente de fora da área, foram todos para fora e não assustaram o goleiro Giménez.

 

Apesar de menos tradicional e inferior tecnicamente, o Palmaflor não se intimidou e foi para o tudo ou nada no segundo tempo em busca de pelo menos um gol para levar, quem dera, o jogo para a decisão dos pênaltis.

 

O Palmaflor dominou boa parte das ações na etapa complementar, mas as chances criadas pela equipe mandante da partida não chegavam a assustar o goleiro Giménez, que defendeu todos os arremates com muita facilidade.

 

Acuado, o Jorge Wilstermann se segura do jeito que dava e apostava no contra-ataque para matar a partida e garantir a classificação, e conseguiu. Aos 43, Meleán cruzou na área, Humberto Osório aproveitou e cabeceou sem dar nenhuma chance para o goleiro do Palmaflor e dar números finais ao duelo: 2 a 1 e de virada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O Futebol Latino sabe que a alegria do esporte bretão do continente americano é bem mais do que Brasil, Argentina e Uruguai. Isso porque o amante da bola quer mesmo é saber de tudo, desde a final do Brasileirão até a 5a rodada do Peruano, com a mesma seriedade e com a mesma paixão. Leia Mais

Entre em contato conosco: comercial@futebolatino.com.br

© Futebol Latino - Todos os Direitos Reservados - 2019 | Por Diegão ©