Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on print
Print

Diretor do Defensa y Justicia fala sobre campanha do clube e continuidade do treinador

Vice-campeão argentino na temporada, o Defensa y Justicia empatou na última rodada e viu o Racing se consagrar campeão da Superliga
diretor-do-defensa-y-justicia-fala-sobre-campanha-do-clube-e-continuidade-do-treinador-Futebol-Latino-02-04

*Por Caio Maturano

Foi por pouco. O Defensa y Justicia lutou até o máximo, porém, o título da Superliga Argentina 2018/2019 acabou sendo do Racing. Em entrevista a Rádio 94 FM, de Buenos Aires, o diretor do clube, Diego Lemme, destacou a campanha.

Leia mais: MLS pode ser o destino de zagueiro atualmente no Barcelona
Técnico do San Lorenzo pode cair em caso de derrota para o Palmeiras

“Nós fizemos uma temporada brilhante, queria muito que conseguíssemos o título, mas nos faltou perna”, afirmou o dirigente.

Para o diretor, o Defensa vacilou em um momento importante da competição, por conta da sequência de jogos:

“A derrota para o Boca foi ruim demais para nós, além de perdemos a chance de liderar, ainda acabamos eliminados na Sul-Americana na semana seguinte, nos faltou perna e acredito que o duelo contra o Botafogo veio em um momento péssimo.”

Já sobre o técnico Beccacece, que está sendo cobiçado por clubes da Argentina e do mundo, o diretor colocou a decisão para o técnico.

“A decisão é de Beccacece, nós queremos a continuação dele e já estamos atrás dos reforços, mas quem decide se fica é ele”, finalizou Lemme.

O Defensa volta a jogar agora no próximo domingo (7) quando enfrenta o time do Racing pela última rodada da Superliga Argentina apenas para cumprimento de tabela.