Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Eliminatórias: Paraguai vence Venezuela fora de casa e segue invicto

Foto: La Vinotinto

*Por Roberto Junior

Venezuela e Paraguai duelaram na noite desta terça-feira (13) em duelo válido pela segunda rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo. Mesmo jogando em casa, no Metropolitano de Mérida, a seleção Vinotinto perdeu por 1 a 0 com gol já nos minutos finais.

OS_BRAZIL_300x250_2020_Q3_SOC

As duas equipes não haviam vencido no torneio. O Paraguai, que empatou na estreia, chega aos quatro pontos, enquanto a Venezuela acumulou sua segunda derrota consecutiva e ocupa a vice-lanterna.

PRIMEIRO TEMPO COM TRAVESSÃO TRABALHANDO

A primeira etapa foi dominada pela equipe do Paraguai, que ficou mais com a bola no campo de ataque enquanto a Venezuela ficou os 15 primeiros minutos sem conseguir avançar do meio-campo. Enquanto isso o Paraguai tentava abrir o placar.

Aos nove minutos, Gimenez acertou um chutaço de fora da área e a bola foi no travessão. O destaque é que com o estádio vázio, o barulho da pancada na meta foi a trilha sonora para o telespectador.

Aos 21 minutos a equipe Guarani chegou novamente. Espínola não aproveitou o resvalo de Romero após cruzamento na área e cabeceou quase na pequena área por cima no gol. Três minutos mais tarde, Ángel Romero cobrou falta e obrigou Fariñez a sujar o uniforme e fazer uma linda defesa.

A Venezuela só chegou com perigo aos 31 minutos com o corintiano Romulo Otero, mas quando compareceu ao ataque assustou. O camisa 18 cobrou falta da esquerda, a bola fez uma curva seca e bateu no travessão de Antony Silva. A exemplo de Gimenez, o travessão também estrondou na transmissão.

SEGUNDO TEMPO COM GOL ANULADO E PÊNALTI DEFENDIDO 

Assim como no primeiro tempo, o Paraguai seguiu atacando tentando sua primeira vitória. Aos dois minutos de partida, Lezcano ajeitou para Cubas, que chutou colocado. Fariñez mais uma vez salvou a Venezuela.

Por pouco o Paraguai não tomou um banho de água fria aos 19 minutos. Mesmo dominando o jogo, os paraguaios viram Otero cruzar na área e Herrera aparecer por trás da zaga e abrir o placar no Metropolitano de Mérida. Mas o VAR entrou em cena e viu um toque no braço do volante.

A Venezuela continuou agressiva, diferentemente do primeiro tempo. Fez Antony Silva trabalhar com lance perigoso de Córdova, porém o Paraguai fez valer sua superioridade. Aos 39 minutos, após cruzamento de Espínola, Giménez apareceu livre e empurrou para o gol.

Já aos 47 minutos, a Venezuela teve a chance de empatar o jogo num pênalti feito pelo palmeirense Gustavo Gómez. Herrera cobrou a penalidade e Antony Silva foi o herói ao defender a cobrança.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *