Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Ex-jogador pede desculpas públicas por acusar treinador de suborno

Foto: Divulgação/Danubio

Em março deste ano, Pato Sosa concedeu entrevista à mídia uruguaia e declarou que o técnico Leonardo Ramos, com quem trabalhou no Danubio, cobrava dos atletas para escala-los no time titular.

Leia Mais: Sem acerto com o Boca, Tevez sofre acusação na Argentina; Confira
Lenda argentina faz avaliação polêmica sobre Lionel Messi



A declaração caiu como uma bomba e Leo Ramos não teve dúvida ao ir à justiça, processar e ganhar do seu ex-jogador no tribunal.

Sem provas para comprovar as acusações, Pato Sosa teve que entrar em acordo com Leonardo Ramos e precisou pedir desculpas públicas.

“Diante das declarações efetuadas por Marcelo Sosa que Leonardo Ramos cobrava para escalar jogadores, Sosa pede desculpas públicas e desmente tudo o que disse, pois o treinador jamais lhe pediu dinheiro ou cobrou seus companheiros na época”, divulgou a defesa do jogador.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *