Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on print
Print

Ex-time de Schweinsteiger oficializa mudança de estádio

O Chicago Fire, agora ex-time de Schweinsteiger, informou nessa terça (8) que está "de mudança" pensando na casa que mandará seus jogos em 2020
ex-time-de-schweinsteiger-oficializa-mudanca-de-estadio-Futebol-Latino-08-10

A terça-feira (8) teve um noticiário bastante agitado na Major League Soccer (MLS) pelos lados do Chicago Fire. Além do anúncio da aposentadoria por parte do alemão mundialmente conhecido Bastian Schweinsteiger, o time aproveitou para oficializar a informação de que, na próxima temporada, voltará a usar o Soldier Field como sua casa na principal competição dos Estados Unidos.

Leia mais: Atacante francês tem fotos e vídeos íntimos divulgados durante passagem em clube da América
Guerrero descarta lesão muscular e garante presença nos amistosos do Peru

O anúncio veio por parte de uma carta aberta feita empresário Joe Mansueto, proprietário único da franquia desde o último mês de setembro, usando também o gancho no fato de que, em 8 de outubro, porém no distante ano de 1871, ocorreu um incêndio de grandes conhecido como o Grande Incêndio de Chicago com proporções que deixaram a cidade marcada para sempre através da morte de centenas de pessoas além do imenso prejuízo financeiro.

Além disso, o dia 8 de outubro, porém em 1997, também é marcada como a data de fundação do clube.

Essa será a terceira vez que o time de Chicago usará o estádio construído nos anos 20, mas que passou por uma ampla reforma em 2002, como o seu lar na MLS. A primeira etapa dessa história durou entre 1998 a 2001 enquanto a segunda foi de 2003 a 2005, data onde passou a ser usado somente pelo time de futebol americano Chicago Bears.

Enquanto isso, o mando de campo do clube de futebol pertencente ao estado de Illinois era exercido no SeatGeek Stadium localizado na pequena cidade de Bridgeview, distante apenas 24 quilômetros de Chicago.

Já se sabe, inclusive, que o primeiro jogo do Fire no retorno ao Soldier Field ocorrerá em 21 de março do próximo ano recebendo o Atlanta United. Tamanha é a empolgação que os ingressos tanto para o compromisso em questão como pensando na próxima temporada já estão sendo comercializados.

Veja a carta aberta feita pelo proprietário do Chicago Fire:

QUERIDA CHICAGO,

Hoje, o prefeito Lightfoot e eu estamos anunciando que o Chicago Fire está retornando para o coração da cidade, no Soldier Field para a temporada 2020 da Major League Soccer.

No aniversário tanto do Grande Incêndio de Chicago e da fundação do nosso time, eu prometo entregar um clube de qualidade mundial digno da nossa cidade e que represente toda a nossa Chicago – nossos vizinhos, nosso povo, nossas comunidades.

O jogo que nós amamos tem uma habilidade única de nos unir – e quando Chicago está unida, nos conseguimos alcançar tudo. Estou honrado em convidar uma nova geração para estar por nós assim como nós estaremos por vocês.

Estou orgulhoso de representar Chicago como o novo proprietário de seu clube. Juntos, construiremos um clube que todos de Chicago poderão chamar de seu.

Joe Mansueto

Proprietário, Chicago Fire