Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Ex-treinador argentino não se interessa por estilos de Simeone e Bielsa

Barcelona-terror-Diego-Simeone-Futebol-Latino-01-02
Foto: Divulgação/Atlético de Madrid

Para uns, a maneira de atuar pregada por Diego Simeone no Atlético de Madrid é aquela mais eficiente para se chegar a grandes conquistas. Para outros, a ideia de Marcelo Bielsa no Leeds United é a mais agradável e eficiente. E, evidentemente, há até mesmo aqueles que veem beleza nas duas formas de jogo apresentadas pelos clubes europeus.

Leia mais: Escobar chega ao Londrina e ressalta: “O projeto é muito bom”
Sem contrato, Marco Ruben decide o seu futuro até domingo

Todavia, o ex-treinador argentino Ángel Cappa está em um grupo diferente de amantes do futebol onde nem a maneira aplicada por Cholo ou a de El Loco são capazes de “prendê-lo” para assistir uma partida ou mesmo atraí-lo para tal situação.

“Simeone representa o futebol argentino, mas não a identidade do futebol argentino. Eu o admiro por tudo o que ele conseguiu, mas esse futebol não me interessa”, comentou Ángel ao canal esportivo argentino TyC Sports.

“O futebol que apregoa Bielsa não me representa. Ganhou coisas e isso não se discute, mas eu não gosto e não escolho para ver”, agregou.




Em sua carreira, Ángel Cappa passou por postos importantes entre os anos 80 e 90 nos bancos de reservas da seleção argentina, Boca Juniors e os gigantes espanhois Barcelona e Real Madrid (como auxiliar técnico) além da função de treinador em equipes como Racing, River Plate, Huracán e Gimnasia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2019