Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Flavio Zandoná completa 53 anos e ganha homenagem histórica

Foto: Reprodução/Fox Sports

O dia 8 de abril é especial para Flavio Zandoná. Amado pela torcida do Vélez, o ex-jogador completa 53 anos nesta quarta-feira e o jornal Olé relembrou a confusão entre jogadores do Fortín e Flamengo, pela Supercopa Libertadores de 1995, onde o argentino entrou para a história do futebol no continente ao acertar um soco no rosto de Edmundo.



Leia Mais: Reinaldo Rueda toma decisão importante na seleção chilena
Lembra dele? Iarley releva que foi alvo de disputa entre Boca e River

Carreira

Além do Vélez Sarfield, onde venceu a Libertadores e o Mundial de Clubes, Flavio Zandoná defendeu as cores do San Lorenzo, Cerro Porteño, Veracruz e Avispa Fukuoka.

Relembre a confusão

Em outubro de 1995, o Flamengo vencia o Vélez Sarsfield por 3 a 0, em jogo válido pela Supercopa Libertadores, torneio que era equivalente a Copa Sul-Americana, no calendário continental.

Aos 46 minutos da etapa final, Edmundo, então no Flamengo, soltou um tapa no rosto de Flavio Zandoná, que revidou. Poucos segundos depois, sem o atacante perceber, o camisa 11 soltou o braço no adversário e nocauteou o rubro-negro.

Assim que a agressão aconteceu, uma verdadeira batalha campal foi iniciada dentro do gramado e o jogo foi encerrado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2019