Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Franquia da MLS anuncia corte de salários e licença de funcionários

franquia-da-mls-anuncia-corte-de-salarios-e-licenca-de-funcionarios-Futebol-Latino-07-04
Foto: Divulgação/MLS

Como medida de redução de custos para se manter em funcionamento apesar da crise econômica global com a paralisação das competições, o Real Salt Lake informou que fará um corte generalizado de salários além de dar uma licença a outro grupo de profissionais.

Leia mais: De Rossi indica atacante do Boca Juniors para a Roma
Por prisão, EA Sports pode tirar Ronaldinho do FIFA 20

A principal justificativa dada pelo clube está relacionada ao fato de que o RSL não estava apto a receber uma ajuda federal preparada pelo governo do presidente Donald Trump relacionadas a economia dentro do pacote de medidas no combate ao novo coronavírus chamado de CARES:

“Nós fomos informados que o programa federal CARES não estará disponível para a nossa organização. Como resultado disso, nós seremos forçados a nos adaptar e alinhar a nossa força de trabalho apropriadamente para enfrentar esses novos desafios e circunstâncias difíceis.”



A medida tomada pelo clube radicado em Utah vai ao encontro da movimentação feita pela própria Major League Soccer (MLS) na última semana. Isso porque todos os funcionários da entidade que regem a principal liga de futebol do país, incluíndo o comissário Don Garber, passaram por uma redução salarial.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2019