Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Hernán Crespo deseja treinar equipe que brilhou como jogador

Em conversa com a Fox Sports, o treinador admitiu que sustenta o sonho de trabalhar no River Plate quando Marcelo Gallardo deixar o cargo

Desempregado desde a sua saída do Banfield, Hernán Crespo tenta se recolocar no mercado e devido ao seu tamanho dentro do futebol argentino concede entrevista semanalmente para diversos veículos de comunicação.

Leia Mais: Após cair para time da 4ª divisão, Pocchetino crava: “Muito desapontado”
Sem papas na língua, Lucas Barrios revela decepção em ex-clube

Nesta semana, o eterno artilheiro da seleção argentina e grandes clubes do futebol mundial, revelou que tem muita vontade de comandar o River Plate, time que o projetou para mundo da bola.

“É claro que tenho vontade de voltar ao Monumental de Núñez e reviver o mundo do River Plate, mas tenho que fazer por merecer e isso não é nada fácil. Espero que o tempo ajeite tudo e eu possa ter a minha chance”, declarou ao Fox Sports.

Sem a intenção de pressionar Marcelo Gallardo, atual comandante, Crespo fez questão de exaltar o trabalho que é desenvolvido dentro do River Plate.

“Marcelo tem o direito de ficar por quanto tempo ele quiser dentro do clube. No dia que decidir ir embora os feitos serão ainda mais exaltados, mas o River continua e é maior que todos nós”, finalizou.

Trajetória

Entre 1993 e 1996, Hernán Crespo escreveu o seu nome na história do River Plate ao faturar por duas vezes o Campeonato Argentino (93 e 94) e a Libertadores da América (96).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2019