Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

James Rodríguez se manifesta sobre possível agressão no vestiário da Colômbia

james-rodriguez-deixa-no-ar-critica-ao-real-madrid-Futebol-Latino-24-06
Foto: Nelson Almeida/AFP

Após a goleada para o Equador, a seleção da Colômbia entrou em erupção. Além de Carlos Queiroz ficar na corda bamba, um jornalista colombiano informou que James Rodriguez e Jefferson Lerma trocaram socos no vestiário, deixando o ambiente ainda mais tumultuado.

OS_BRAZIL_300x250_2020_Q2_SOC

Leia Mais: Briga pesada! Chilavert bate-boca com Maxi Biancucchi na rede
Goleada teria rendido briga em vestiário da seleção da Colômbia



Diante do escândalo divulgado pela mídia, a Federação Colombiana e James resolveram se manifestar. Através de comunicado, ambos informaram que a fatídica briga não aconteceu nos vestiários.

“Tanto no vestiário, como na vida pessoal, mantenho excelentes e respeitosas relações com cada um dos mês companheiros da Seleção da Colômbia”, se manifestou James Rodríguez.

Em meio a chuva de informações, a Colômbia tenta juntar os cacos e decidir o seu futuro nos próximos dias. Com a eminente saída de Carlos Queiroz, nomes não faltam para assumir a cafetera.

Uma ala da torcida e mídia pedem a volta de José Pekermán, que dirigiu o país nos Mundiais de 2014 e 2018.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *