Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Jogador do Dortmund se recusa a defender a Argentina

Foto: Divulgação/Dortmund

A primeira convocação da Argentina para as Eliminatórias se aproxima e o técnico Lionel Scaloni recebeu uma notícia ruim. Trata-se de Giovanni Reyna, do Borussia Dortmund, que recusou o convite para defender a albiceleste e vai atuar pelos Estados Unidos.

Leia Mais: Sétima rodada do campeonato chileno é aberta com dois empates
Ex-jogador de futebol é assassinado na Colômbia

Em conversa com o jornal Ruhr Nachrichten, da Alemanha, o atleta deixou claro a sua preferência pelos norte-americanos.

“Tenho a noção de todas as especulações e brigas pelo meu futebol, mas optei pelo que faz mais sentido na minha vida. Eu quero defender as cores dos Estados Unidos. Esse é o meu país de origem”, declarou.

Nascido em Sunderland, na Inglaterra, Giovanni Reyna tem cidadania norte-americana por conta do seu pai, que é Argentino, mas virou cidadão norte-americano ainda na adolescência.

Aos 17 anos, Giovanni Reyna é considerado uma das apostas do Dortmund no futuro. Nesta temporada ele ganhou uma chance no elenco principal e disputou nove partidas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *