Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Jogador do futebol chileno dá declaração polêmica sobre torcida local

jogador-do-futebol-chileno-da-declaracao-polemica-sobre-torcida-local-Futebol-Latino-17-07
Foto: Divulgação/Universidad Católica

Dando sua opinião sincera sobre a visão da interrelação sobre política e futebol, o jogador José Pedro Fuenzalida, da Universidad Católica, falou para a emissora DirecTV Sports sendo incisivo com o comportamento de alguns torcedores após os protestos ocorridos no Chile no fim de 2019.

Leia mais: Sport vende mais de 3,4 mil ingressos virtuais para clássico contra o Santa Cruz
Filho de Johan Cruyff é apontado como alvo do Barcelona

Para ele, os torcedores passaram a dar mais importância as opiniões expressas pelos atletas do que o desempenho deles dentro de campo, deixando isso transparecer no comportamento das arquibancadas:

“Depois do que aconteceu no ano passado eu senti isso muitas vezes. Com os protestos, as pessoas vão ao estádio e te criticam não se você jogou bem ou mal, mas sim pela posição política que você tem. São coisas que eu não gosto, pois entendo que não há que relacionar isso mais do que o necessário.”

Fuenzalida chegou a dizer que já rejeitou diversos pedidos para aparecer em eventos políticos, principalmente após ele declarar suas predileções pelo segmento político de Direita. A sua alegação é de que existe um “clima de agressividade” o qual ele não se sente confortável.




“Nós temos que dar opiniões, eu não sou formador de opinião, mas dou a minha opinião. No tema político, é algo bastante complexo que, inclusive, de repente me fizeram propostas para participar de algo, mas entendi que há um nível de violência em tudo que envolve a política que eu não gosto pela agressividade. Eu tenho a minha opinião, mas como tenho amigos de todos os lados e com todas as opiniões, podemos compartilhá-las. A agressividade vem pelas redes sociais, não há tolerância, eu digo algo e tenho sentido isso”, declarou o atleta de 35 anos de idade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *