Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Jorge Valdivia analisa Bielsa e Sampaoli e escolhe o melhor técnico

Foto: AFP

Um dos temas mais debatidos nos últimos tempos do futebol chileno é a eterna competição entre Marcelo Bielsa e Jorge Sampaoli, dois treinadores que mudaram o patamar da Roja no cenário mundial.

Leia Mais: Há quatro anos, o Atlético Nacional voltava a conquistar a América
Na principal liga feminina dos EUA, Houston Dash fica com a taça



O primeiro iniciou o projeto da Copa 2010. Após dois mundiais sem a participação chilena, Bielsa pinçou bons jogadores, deu padrão de jogo e recolocou o país entre os melhores da América.

Após a sua saída, Jorge Sampaoli foi o escolhido para gerir a Roja e revolucionou. Com atletas mais experientes, base forte, ele tirou a seca de títulos da seleção chilena e conquistou o inédito título da Copa América.

No fim de semana, Jorge Valdivia, que trabalhou com os dois, deu a sua visão sobre o embate e escolheu o seu favorito.

“Bielsa encontrou bons valores no Chile e graças ao seu trabalho, vários deles foram embora para o exterior. Depois chegou Sampaoli, que teve uma base forte na La U, onde ganhou a Copa Sul-Americana e fez a junção dos trabalhos, que resultou no título da Copa América”, afirmou ao programa “Hermanos, separados al nacer”, antes de completar:

“Eu tive bons e maus treinadores, mas o que marcou a minha carreira foi justamente o que não ganhou nada quando trabalhamos juntos, que foi o Bielsa”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *