Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Jornal alemão divulga e-mails que comprovariam subornos por Copas de 2018 e 2022

jornal-alemao-divulga-e-mails-que-comprovariam-subornos-por-copas-de-2018-e-2022-Futebol-Latino-08-04
Foto: Kirill Kudryavtsev/AFP

As denúncias que fazem parte de um amplo caso de corrupção no mundo do futebol investigado pela justiça norte-americana e batizado de “Fifagate” ganharam formas mais sólidas nos últimos dias de acordo com a informação do diário alemão Sueddeutsche Zeitung.

Leia mais: Iván Córdoba dispara contra possível retorno da liga colombiana
Rivaldo ganha homenagem na rede por gols marcados pelo Barcelona

Isso porque e-mails comprobatórios teriam sido obtidos pela justiça dos Estados Unidos endereçados a quatro ex-dirigentes envolvendo o pagamento de suborno para votos favoráveis as candidaturas da Rússia para o Mundial de 2018 e do Catar para a Copa do Mundo de 2022.

No caso dos votos para a edição que ocorreu no leste europeu, os imputados foram os já falecidos Julio Grondona (ex-presidente da AFA que morreu em 2014) e Nicolás Leóz (ex-presidente da APF e também da Conmebol falecido em 2019) além de Ricardo Teixeira, ex-presidente da CBF e que está preso em regime domiciliar nos EUA por outros crimes de corrupção além do banimento do mundo do futebol por parte da FIFA em novembro do ano passado.



Se envolvendo os já citados não há maiores detalhes de quais valores teriam sido combinados no suborno, no caso do ex-presidente da Concacaf e também ex-vice-presidente da FIFA, Jack Warner, a situação envolve maiores informações. Isso porque o trinidense também banido do mundo do futebol pela entidade máxima do esporte no planeta ainda em 2015 teria recebido o equivalente a cinco milhões de dólares (mais de R$ 25 milhões).

“Já estão completos os cinco. Necessito uma confirmação desse modo: ‘Querido amigo, a transação foi feita da maneira acordad (5M no total) e tudo foi recebido (menos um mínimo de comissões bancárias).’ Muito obrigado, J.”, diz uma suposta mensagem de e-mail enviada por Warner ao suíço Joseph Blatter, ex-presidente da FIFA também envolvido em outras vertentes do Fifagate que renderam seu banimento do futebol.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2019