Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Guillermo Ochoa revela frustração por não atuar em gigante da Itália

Arqueiro afirmou a decepção que sentiu ao não concretizar a sua ida para jogar no Napoli, da Itália após a Copa de 2018

Conhecido do público brasileiro por conta da excelente atuação na Copa do Mundo de 2014, Guillermo Ochoa atualmente defende o América, do México, mas antes de regressar ao país natal, o goleiro esteve perto de jogar em uma das maiores ligas do mundo.

Leia Mais: Empresário de Lautaro Martínez decreta o futuro do atacante
Após empate com o Brasil, Senegal faz pedido para a Conmebol

Em conversa com a revista ‘Fútbol Total’, o mexicano afirmou que durante a sua passagem pelo Standard de Liége, da Bélgica, o Napoli abriu conversas para contratá-lo, mas a sua ida foi vetada pelo clube belga.

“Após a Copa do Mundo da Rússia, o Napoli havia contratado bons goleiros, mas eles se machucaram. Com isso, o Ancelotti indicou o meu nome e acertamos a minha ida”, explicou.

“Eu fiquei encantado desde o primeiro momento. Estava tudo certo entre eu e o Napoli, mas o presidente do Standard vetou a minha ida. Fiquei muito chateado e deixei isso claro, mas preferi manter o meu profissionalismo e trabalhei com a mesma seriedade”, completou.

Após dois anos na Bélgica, Guillermo Ochoa acertou a sua transferência para o América, clube o qual foi projetado para o futebol mundial na década de 2000.

error: Futebol Latino 2019