Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on print
Print

Libertadores: Caracas e The Strongest ficam no empate e embolam o grupo do Athletico-PR

Foto: Twitter Copa Libertadores

No Estádio Olímpico de la Universidad Central de Venezuela, em Caracas, em partida válida pela 5ª rodada da edição 2022 da Copa Libertadores da América, Caracas e The Strongest ficaram no empate pelo placar de 0 a 0. Com o resultado, ambas as equipes ficam com 6 pontos e deixam tudo embolado no Grupo B.

Leia Mais: Dois clubes podem garantir uma vaga no mata-mata da Libertadores nesta terça-feira

Boca Juniors tem um objetivo para o duelo contra o Corinthians; saiba mais

Na última rodada e decisiva da fase de grupos, o Caracas enfrenta o Athletico-PR, na Arena da Baixada, em Curitiba. Já o The Strongest pega o Libertad, no estádio Defensores Del Chaco, em Assunção. Ambas as partidas que definirão os classificados para o mata-mata serão realizadas no dia 26 de maio.

 

PRIMEIRO TEMPO

O Caracas fez valer o mando de campo e dominou completamente a primeira etapa. Los Demonios Rojos criaram boas oportunidades com Daniel Rivillo, Guarirapa, Kwaku Bonsu, Vicente Rodríguez, mas em nenhuma delas os jogadores do time venezuelano conseguiram colocar a bola para dentro. O The Strongest sofreu bastante na defesa com as investidas do ataque dos venezuelanos, enquanto apostava tudo no contra-ataque para tentar surpreender. A única chance criada pelo Tigre durante toda a etapa inicial foi um chute de Ursino, que o goleiro Baroja conseguiu efetuar a defesa.

 

SEGUNDO TEMPO

A etapa complementar começou movimentada e com oportunidades das duas equipes para marcar. Pelo lado do Caracas, Akinyoola foi quem levou mais perigo com seus potentes chutes de fora da área. Já o The Strongest poderia ter aberto o placar com Esparza, mas ele acabou chutando para fora na grande chance do Tigre. Com o avançar do tempo, o Caracas continuou com suas investidas, mas já sem levar tanto perigo. Já o The Strongest permanecia apostando nos contra-ataques. Do meio para o fim da partida, o Tigre ficou muito próximo do gol da vitória com as oportunidades criadas. Na melhor chance, aos 45, Baroja salvou os venezuelanos ao defender o ótimo chute de Saucedo no cantinho. Nos acréscimos, a equipe venezuelana partiu para o abafa e por pouco não marcou, mas Vizcarra e a defesa dos bolivianos seguraram a pressão e garantiram que o jogo terminasse empatado.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O Futebol Latino sabe que a alegria do esporte bretão do continente americano é bem mais do que Brasil, Argentina e Uruguai. Isso porque o amante da bola quer mesmo é saber de tudo, desde a final do Brasileirão até a 5a rodada do Peruano, com a mesma seriedade e com a mesma paixão. Leia Mais

Entre em contato conosco: comercial@futebolatino.com.br

© Futebol Latino - Todos os Direitos Reservados - 2021

error: Futebol Latino 2019