Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Libertadores: São Paulo tem dificuldade, mas bate Rentistas no Morumbi

sao-paulo-rentistas-libertadores-futebol-latino-1-29-04
Foto: Divulgação/Conmebol Libertadores

Na base da dificuldade, o São Paulo superou por 2 a 0 o Rentistas pela segunda rodada do Grupo E na Libertadores e se tornou líder isolado da chave com seis pontos ganhos. Apesar dos esforços, o time de Montevidéu segue tendo somado somente um ponto ganho e está em terceiro lugar na chave.

OS_BRAZIL_300x250_2020_Q2_SOC

Leia mais: Fora de casa, Argentinos Jrs domina Universidad Católica e mantém 100% na Libertadores
Racing, com um a menos, ganha do Sporting Cristal pela Libertadores

Primeiro tempo

A posse de bola prioritária do São Paulo na tentativa de criar volume de jogo enquanto os uruguaios se fechavam na medida do possível para “amarrar” a partida foi a tônica já nos primeiros minutos do compromisso. Com direito, aliás, a um lance que exemplificava bastante o grau de pressão exercido pelo ataque são-paulino com Luciano bloqueando a saída do arqueiro Rossi e ficando cara a cara, mas acabou batendo em cima dele, desperdiçando uma excelente chance.

Apesar dos esforços, a equipe da casa tinha notória dificuldade em transformar o tempo que tinha a bola nos pés em lances mais agudos, seja por erros na tomada de decisão como também pelo mérito da forte marcação coordenada pelos comandados do jovem técnico Martín Varini.

Se atrás o Rentistas conseguia se segurar, na frente o time tinha raras oportunidades de fazer um trabalho mais caprichado para fazer Tiago Volpi trabalhar. Tanto é que, na etapa inicial, a única finalização charrua em direção ao gol no primeiro tempo ocorreu com Duarte batendo rasteiro para uma defesa segura do goleiro tricolor.

Em dificuldade para envolver o oponente, foi no momento que a equipe brasileira soube trocar passes rápidos e se movimentar nos espaços deixados que a abertura do marcador no Morumbi aconteceu. Depois de toque dado por Luciano, Daniel Alves passou de primeira onde Pablo dominou, olhou o arqueiro Rossi saindo e bateu no canto direito para balançar as redes com 37 minutos.

Segundo tempo

Ainda aos cinco minutos, o time do Uruguai sofreu um golpe nas suas pretensões quando o lateral-esquerdo Acosta chegou de maneira forte, com a sola do pé na canela de Daniel Alves, e viu o segundo cartão amarelo que resultou na sua expulsão.

Dessa forma, o confronto acabou tendo reforçado os contornos onde o tricolor buscava o segundo gol por maior tranquilidade no compromisso e os charruas se viam na condição de um esforço dobrado para se manter vivo na partida e seguir tentando esticadas pelo até então improvável tento da igualdade.

Mesmo com todas as dificuldades, o Rentistas teve seu momento de presença no ataque com relativo perigo quando, em batida de falta executada por Salomón Rodríguez, Volpi defendeu e viu Peraza bater meio no susto na bola e passar bem ao lado da trave esquerda.

Já aos 43 minutos, o jogo que estava “enroscado” acabou tendo seu desfecho decretado quando Igor Gomes tentou um voleio dentro da área e Mario García tocou com a mão na bola, pênalti marcado pela arbitragem. Na batida, Reinaldo cobrou com muita precisão no ângulo direito e fez o segundo do São Paulo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O Futebol Latino sabe que a alegria do esporte bretão do continente americano é bem mais do que Brasil, Argentina e Uruguai. Isso porque o amante da bola quer mesmo é saber de tudo, desde a final do Brasileirão até a 5a rodada do Peruano, com a mesma seriedade e com a mesma paixão. Leia Mais

Entre em contato conosco: comercial@futebolatino.com.br

© Futebol Latino - Todos os Direitos Reservados - 2019 | Por Diegão ©