Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Em duelo de cinco gols, Táchira vence Olimpia de virada em jogo do grupo do Inter

Libertadores
Divulgação/Deportivo Táchira

* Por Roberto Junior

Pela estreia da fase de grupos da Libertadores, Deportivo Táchira recebeu o Olimpia, na Venezuela, e apesar do susto inicial conseguiu uma vitória no chave B, do Internacional. A equipe mandante saiu atrás do placar, mas conseguiu se sobressair dentro de casa e, com um a mais, venceu os paraguaios por 3 a 2.

OS_BRAZIL_300x250_2020_Q3_SOC

Leia mais
Começo ruim! Internacional perde para Always Ready na estreia da Liberta 
Barcelona surpreende o Santos e vence na Vila Belmiro

O próximo compromisso do Táchira é fora de casa contra o Internacional, que estreou na Libertadores com derrota. Já o Olimpia joga em casa contra o Always Ready, da Bolívia.

UM BOM PRIMEIRO TEMPO NA VENEZUELA

O Olimpia abriu o placar com um golaço de Ramón Sosa, aos 14 minutos. Ele recebeu na esquerda, fez fila e chutou para o gol já sem goleiro. Não nem tempo de comemorar e o Táchira respondeu com gol de Lucas Gómez logo no minuto seguinte aproveitando um chute cruzado que saiu errado.

A partida seguiu com um bom ritmo. Os paraguaios mostrando movimentação e boa troca de passes, tendo também a maior posse de bola, e os mandantes tentando virar o duelo com contra-ataques rápidos e chutes de fora da área. Apesar da vontade de ambos, Táchira e Olimpia foram para o intervalo com o empate no placar.

TÁCHIRA NÃO DÁ CHANCES PARA O OLIMPIA NO SEGUNDO TEMPO

A volta do intervalo voltou com o Olimpia tendo duas chegadas sendo uma cabeçada perigosíssima de Roque Santa Cruz. Mas Táchira respondeu e não parou mais de pressionar. Complicou para os paraguaios após Alejandro Silva ser expulso aos cinco minutos, o que fez o Táchira seguir dominando o campo ofensivo até virar o duelo. Após cruzamento na medida, Góndola, aos 12 minutos, cabeceou e o goleiro Aguilar aceitou um gol fácil.

O Táchira temperou no campo ofensivo e ensaiou aumentar o placar, mas não foi efetivo nas oportunidades. Então em uma das poucas chances que teve no segundo tempo, o Olimpia empatou. Iván Torres aproveitou um bate e rebate na área para de perna esquerda igualar o placar novamente. Mas o destino queria que os paraguaios não vencessem, já que três minutos depois Lucas Trejo subiu de cabeça e deixou os venezuelanos novamente na frente.

FICHA TÉCNICA
DEPORTIVO TÁCHIRA-VEN X OLIMPIA-PAR – 1ª RODADA DA LIBERTADORES (GRUPO B)
Estádio: Polideportivo Pueblo Nuevo, em San Cristóbal (VEN)
Data e hora: 20 de abril, às 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Esteban Ostojich (URU)
Assistentes: Carlos Barreiro (URU) e Santiago Fernández (URU)
Gramado: Regular
Cartões amarelos: Pablo Camacho, Cova, Francisco Flores, Fernandez (DTA) Alejandro Silva, Richard Ortiz, Luis Cáceres, Jorge Recalde (OLI)
Cartões vermelhos: Alejandro Silva (OLI)

GOLS: Sosa, 14’/1ºT (0-1); Lucas Gómez, 15’/1ºT (1-1); Góndola, 12’/2ºT (1-2); Iván Torres, 31’/2ºT (2-2); Trejo, 35’/2ºT (3-2)

DEPORTIVO TÁCHIRA (Técnico: Juan Tolisano)
Varela; Pablo Camacho, Carlos Vivas, Lucas Trejo e Granados; Nelson Hernandez, Francicso Flores (Yeferson Velazco, aos 26’/2ºT), Cova e Freddy Góndola; Edgar Pérez (Marlon Fernandez, aos 26’/2ºT) e Lucas Gomez.

OLIMPIA (Técnico: Sergio Orteman)
Alfredo Aguilar; Iván Torres, Luis Cáceres, Antolín Alcaraz e Sergio Otálvaro; Alejandro Silva, Richard Ortiz, Hugo Quintana (Edwar López, aos 10’/2ºT) e Ramon Sosa; Jorge Recalde e Roque Santa Cruz, Rodrigo Rojas, aos 10’/2ºT).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O Futebol Latino sabe que a alegria do esporte bretão do continente americano é bem mais do que Brasil, Argentina e Uruguai. Isso porque o amante da bola quer mesmo é saber de tudo, desde a final do Brasileirão até a 5a rodada do Peruano, com a mesma seriedade e com a mesma paixão. Leia Mais

Entre em contato conosco: comercial@futebolatino.com.br

© Futebol Latino - Todos os Direitos Reservados - 2019 | Por Diegão ©