Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Lugano faz crítica pesada a dirigentes uruguaios em dia de eleição

Diretor do São Paulo, Diego Lugano demonstrou bastante insatisfação com os mandatários do futebol de seu país em dia que a AUF escolherá seu presidente
lugano-faz-critica-pesada-a-dirigentes-uruguaios-em-dia-de-eleicao-Futebol-Latino-31-07

Atualmente diretor do São Paulo, o também ex-jogador uruguaio do clube, Diego Lugano, faz questão de demonstrar que sempre acompanha os principais acontecimentos no futebol de seu país.

Leia mais: Lateral brasileiro comemora primeira partida bem-sucedida na MLS
Lenda sul-americana anuncia aposentadoria dos gramados

Em uma postagem feitas através de sua rede social nessa terça-feira (31), dia em que transcorre as eleições para a Associação Uruguaia de Futebol (AUF), Lugano fez uma crítica bastante incisiva principalmente a situação política que vive a entidade máxima do futebol charrua.

Situação essa bastante exposta com a desistência da candidatura por parte do então presidente Wilmar Valdéz após supostos áudios incriminatórios terem circulados em grupos políticos uruguaios de WhatsApp:

“Não há palavras para qualificar o lamentável espetáculo, exibindo todas as misérias humanas que nossos dirigentes estão dando desde a AUF a nossa sociedade e ao mundo. Onde as traições são moeda corrente. Como permitimos chegar a isso!!!”

Além da crítica, o ex-atleta também da Celeste que participou das Copas de 2010 e 2014 falou que os jogadores tenham sua opinião levada em consideração nesse tipo de processo eleitoral.

“É de caráter urgente e de sobrevivência que os jogadores, como em todas as partes do mundo, tenham voz e voto em decisões que envolvam a nossa vida”, afirmou Lugano.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2019