Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Macnelly Torres admite desejo de atuar em gigante da América do Sul

Foto: AFP

Com dificuldade para encontrar um novo técnico, na 13ª colocação do campeonato chileno e com a vida política mais agitada do que nunca. Este é o cenário do Colo-Colo, um gigante do futebol chileno e consequentemente da América do Sul.



Leia Mais: Presidente do Boca Juniors volta a analisar a vinda de Cavani
Paolo Guerrero completa cinco anos do primeiro hat-trick no Brasil

Apesar de todos os caminhos apontarem que o ano de 2020 promete ser quente dentro do ambiente Cacique, um eterno ídolo da torcida se dispões a voltar ao clube e tentar levar alegria aos hinchas.

Durante entrevista ao canal CDF, Macnelly Torres, atualmente no Alianza Petrolera, da Colômbia, afirmou que, caso recebesse o convite do time chileno, toparia na mesma hora.

“Eu tive a oportunidade de voltar, mas não deu certo. Na ocasião, o Atlético Nacional vivia um momento importante e não tinha como deixar o projeto aqui na Colômbia”, afirmou.

“Não sei a possibilidade hoje em dia, mas caso queiram, eu não teria nenhum problema em conversar e acertar. É um clube que mora no meu coração”, completou o meio-campista.

Em sua passagem pelo Colo-Colo, que durou as temporadas 2008 e 2009, Macnelly Torres faturou o campeonato nacional.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2019