Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Maradona faz críticas a mandato de Gianni Infantino na FIFA

Ex-jogador argentino Diego Armando Maradona disse que, ao contrário do que o cartola teria dito a ele, a entidade é quem está o mudando
maradona-faz-criticas-a-mandato-de-gianni-infantino-na-fifa-Futebol-Latino-07-03

Se no momento em que o cartola ítalo-suíço Gianni Infantino se candidatou a presidência da FIFA o ex-jogador Diego Armando Maradona parecia bem próximo ao dirigente, nesse momento Don Diego demonstra ter dúvidas sobre a forma como Infantino vem gerenciando a entidade máxima do futebol mundial.

Leia mais: Ele voltou! Com Messi na lista, Argentina é convocada para amistosos
Rússia tenta realizar a Recopa Sul-Americana 2020

Em entrevista coletiva que deu na cidade de Guadalajara após empate do time que é técnico (Dorados de Sinaloa) contra o Leones Negros pela Ascenso MX, Maradona foi bastante crítico ao dizer que, ao invés do que o mandatário da FIFA teria o dito que faria, é a entidade quem o está mudando:

“O presidente Infantino me disse que ia mudar as coisas e tudo tem sido ao contrário. Cada vez que alguém fala da FIFA parece que ele vai contra. Infantino não sabe acertar as coisas, deveria se apoiar nos jogadores que estiveram nos Mundiais.”

Maradona ainda fez críticas também a jogadores argentinos que pensam na naturalização pelo tempo que já estão no futebol mexicano em adendo a falta de oportunidades na Albiceleste. Casos mais recentes, por exemplo, dos centroavantes Julio Furch, Leonardo Ramos e Rogelio Funes Mori.

“Sou argentino e não jogaria em outro lugar. Se os rapazes oferecem a oportunidade de jogar e ganhar um Mundial, e isso lhes parece lindo, defender um pedaço de camisa ao invés de jogar pelo coração me parece uma distância grande”, avaliou Don Diego.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2019