Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on print
Print
Centroavante brasileiro do Gyeongnam, Marcão quer ser o maior artilheiro em uma edição da K-League, o campeonato sul-coreano

Sete gols em sete jogos. É isso que precisa o centroavante brasileiro Marcão para fazer história na K-League e ultrapassar o recorde estabelecido em 2012 pelo atacante montenegrino Dejan Damjanovic que assinalou 31 tentos.

Leia mais: Racing se isola ainda mais na liderança da Superliga Argentina
Raúl Ruidíaz tem atuação de gala e comanda goleada na MLS

Atualmente, o avante latino tem 25 gols em 27 jogos que fez na edição de 2018 do campeonato sul-coreano restando ainda os dois duelos da fase classificatória além das cinco rodadas dos playoffs para decidir o campeão nacional.

Para ele, bater essa meta é importante não só no aspecto pessoal, mas também porque, com isso, certamente ele dará uma grande ajuda para que o Gyeongnam fique bem mais perto de chegar brigando até o fim na competição:

“É uma marca importante, que eu quero quebrar, sem dúvida. Ainda faltam algumas partidas no campeonato e é possível. Vou lutar muito para chegar a marca dos 32 gols e para ajudar o Gyeongnam a conquistar seus objetivos nesta reta final de temporada.”

A próxima chance que Marcão terá para buscar o recorde será no domingo (2) às 2 h da manhã (horário de Brasília) recebendo pela 32ª Rodada o Jeju United.