Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Messi faz de pênalti para Argentina bater o Equador

Argentina-Equador-1-Eliminatórias-Futebol-Latino-08-10
Foto: Divulgação/Seleção Argentina

Não foi das noites mais inspiradas de Argentina e Equador, mas os donos da casa conseguiram começar as Eliminatórias vencendo por 1 a 0 graças ao gol de pênalti marcado por Lionel Messi ainda no início do primeiro tempo. A partida em questão aconteceu em La Bombonera e marcou a estreia de Gustavo Alfaro no comando da Tri.

OS_BRAZIL_300x250_2020_Q3_SOC

Leia mais: Uruguai, com gol nos acréscimos, vence o Chile em Montevidéu
Em jogo movimentado no segundo tempo, Paraguai e Peru terminam empatados

Primeiro tempo

Tentando ser sufocante para pular na frente do placar o quanto antes, aos 10 minutos Lucas Ocampos recebeu passe em velocidade de Lionel Messi e, ao perceber a chegada de Pérvis Estupiñán, esperou o contato dentro da área e a arbitragem marcou pênalti.

Na cobrança, Messi foi para a pelota e bateu no seu estilo característico usando a força e precisão com chute em diagonal no canto esquerdo, mandando na “parede” da rede na meta defendida por Alexander Domínguez. O goleiro do Equador até acertou o lado, mas não chegou a tempo de evitar o tento.

O domínio territorial e na questão de ditar o ritmo da partida era totalmente favorável a Argentina. Porém, faltava uma maior mobilidade para que a superioridade conseguisse transformar a posse de bola em volume de oportunidades mais claras de gol.

Por sua vez, ofensivamente o time de Gustavo Alfaro tampouco conseguia fazer a construção com bola no chão, precisando usar bastante a “ligação direta” buscando a velocidade de Enner Valencia. Algo que aconteceu apenas uma vez na primeira etapa, mas o camisa 13, sem ângulo, mandou na rede pelo lado de fora.

Segundo tempo

Ainda no início da etapa complementar, a Albiceleste passou muito perto de deixar sua vantagem em La Bombonera mais larga com a jogada onde Lucas Ocampos ficou cara a cara com Domínguez. Porém, na batida cruzada, o atacante viu o goleiro equatoriano fazer uma intervenção espetacular, com a ponta dos dedos.

Com o passar da etapa complementar, a seleção equatoriana começou a ganhar campo na partida e, diante da dificuldade argentina em se manter ofensiva e com a marcação justa como no início do confronto, foi se aproximando da meta defendida por Franco Armani.

Foi assim que Estupiñán chegou a receber excelente passe com liberdade pela linha de fundo no lado esquerdo onde, ao invés de cruzar, mandou direto pro gol e fez com que Armani fosse forçado a defender em dois tempos.

Apesar dos esforços principalmente da equipe visitante, o marcador construído ainda nos primeiros minutos do compromisso não se alterou.

Você sabia que pode, além de saber as principais informações no Futebol Latino, fazer suas apostas e LUCRAR com a sua paixão? Então saiba mais clicando aqui!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *