Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Na véspera de Real Madrid x Atlético, Vinicius Jr. lembra “curiosidade”

ex-jogadores-do-real-madrid-enchem-vinicius-junior-de-elogios-Futebol-Latino-08-03
Foto: Oscar Del Pozo/AFP

No próximo sábado (12), Real Madrid e Atlético de Madrid farão o grande clássico da capital espanhola às 17h (horário de Brasília) no estádio Alfredo Di Stéfano onde o brasileiro Vinicius Júnior tem boas chances de ser titular devido aos bons jogos que vem fazendo, principalmente, na Liga dos Campeões da Europa.

OS_BRAZIL_300x250_2020_Q2_SOC

Leia mais: MLS elege os 25 maiores jogadores da história da competição
Técnico Javier Aguirre é apresentado ao Monterrey

Em uma web-série divulgada nas rede sociais do jovem atacante com o sétimo episódio tendo sido lançado nessa sexta-feira (11), Vinicius relembrou justamente seu primeiro confronto com o Atleti que, na época, era apenas a segunda partida pelo Real, ainda no time Castilla.

No confronto que aconteceu em setembro de 2018 e terminou em 2 a 2, ele lembra que não imaginava o grau de competitividade e até mesmo firmeza de marcação que poderia existir em um confronto de equipes da base onde até mesmo uma mordida ele levou de um adversário:

“Cheguei no Real Madrid e, logo no meu segundo jogo, foi contra o Atlético de Madrid. Eu pensava que a rivalidade era mais no profissional, que ia ser mais tranquilo. Aí cheguei, sofri mais de 20 faltas no jogo, tentaram me morder. Na hora eu não achei que fosse nada demais, mas vendo os vídeos depois, ele tentou me morder mesmo.”

Outro elemento abordado por Vini Jr. no conteúdo foram os esforços que ele reconhece ter feito para conseguir se igualar a questões físicas, técnicas e de entrosamento para ganhar espaço na equipe dirigida pelo técnico Zinedine Zidane. Além disso, ressaltou a “escrita” que tem contra os Colchoneros a qual espera manter:

“Fiquei uns dez dias sozinho, pensando que precisava melhorar e evoluir. Estava todo mundo em um ritmo muito para frente, então sempre que eu chegava nos treinos e via a intensidade, eu pensava: ‘Não vou conseguir jogar aqui’. Desde que cheguei no Madrid, nunca perdi para o Atlético e espero que continue assim por toda a minha carreira.”

Nesse momento, enquanto o Real está em quarto lugar com 20 unidades, o Atleti lidera a competição com 26 pontos após 12 rodadas disputadas sendo que, enquanto os visitantes do próximo sábado jogaram 10 partidas, o Real disputou 11 confrontos até então.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O Futebol Latino sabe que a alegria do esporte bretão do continente americano é bem mais do que Brasil, Argentina e Uruguai. Isso porque o amante da bola quer mesmo é saber de tudo, desde a final do Brasileirão até a 5a rodada do Peruano, com a mesma seriedade e com a mesma paixão. Leia Mais

Entre em contato conosco: comercial@futebolatino.com.br

© Futebol Latino - Todos os Direitos Reservados - 2019 | Por Diegão ©