Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Por onde anda Robinho, o Rei das Pedaladas ex-Santos e Atlético-MG

Jogador marcou época no Santos, entre 2002 e 2004, deixando saudades nos torcedores da equipe do litoral paulista
memoria-fl-barcelona-guaiaquil-nao-guarda-boas-lembrancas-do-santos-Futebol-Latino-19-08

*Por Danilo Di Grado

Robson de Souza, ou mais conhecido como Robinho, de fato, marcou seu nome na história do Santos com sua habilidade em campo.

Leia Mais: Proprietário do Chivas, Jorge Vergara morre aos 64 anos
La Guaira e Trujillanos abrem o mata-mata do Venezuelano com empate

Nascido em São Vicente, voltando um pouco para o início de sua carreira, chegou a atuar pelas categorias de base do Santos Futebol Clube, onde já despertava atenção de todos.

Com isso, em 2002, o atleta passou a jogar profissionalmente no Peixe, tendo sua primeira chance no Torneio Rio-São Paulo. No mesmo ano também, o craque acabou conquistando o título do Campeonato Brasileiro, com um elenco formado com nomes de Elano, Diego, Renato entre outros.

Já nas temporadas 2003 e 2004, com o time encaixado, o Santos chegou a ser finalista da Taça Libertadores, porém acabou perdendo o título para o Boca Juniors. Na sequência, o jogador também fez parte de sua segunda conquista do Brasileirão.

Sendo muito visado por seu futebol, Robinho, por sua vez, iniciou sua trajetória no futebol europeu com passagens por grandes clubes. Em 2005, o atleta acertou com o Real Madrid, e, mesmo com um início não tendo grandes oportunidades, acabou despontando nas temporadas seguintes (2006-2007 e 2007-2008), fazendo parte do elenco que conquistou o campeonato espanhol (duas vezes), além de uma Supercopa da Espanha.

Após sua saída do time merengue, o craque acabou transferindo-se para o Manchester City, em 2008, ficando na equipe inglesa até 2010. No entanto, em sua passagem, acabou não conquistando títulos e, tentando recuperar seu futebol, o mesmo seguiu de volta para o Brasil sendo emprestado ao Santos.

Em sua segunda passagem pelo clube do litoral paulista, Robinho, junto com Neymar e Ganso, conquistou os títulos do Campeonato Paulista e da Copa do Brasil.

Porém, o craque voltou para o continente europeu no mesmo ano, e, sem espaço no elenco do Manchester City, acertou com o Milan. Com uma passagem que durou 4 temporadas, o brasileiro, junto com outros como Pato e Ronaldinho no elenco, chegou a conquistar títulos como o campeonato italiano, além da Supercoppa italiana, esse último em 2011.

Ainda em 2010, o Rei das Pedaladas chegou a fazer parte dos convocados para a Seleção Brasileira, disputando a Copa do Mundo na África do Sul. No entanto, o Brasil não conseguiu ir longe e acabou parando nas quartas de finais ao ser derrotado para a Holanda, por 2 a 1.

Após sua longa jornada em terras italianas, outra vez Robinho voltou ao Santos, confirmando sua segunda passagem por empréstimo, anos mais tarde, agora em 2014. Não muito diferente da primeira, o jogador acabou conquistando novamente um Campeonato Paulista.

Com seu contrato terminando no meio de 2015, o jogador teve propostas do exterior e, por sua vez, optou por não renovar com o Peixe.

Sendo assim, Robinho, ainda em 2015, acertou com o Guangzhou Evergrande, da China. Mesmo com uma passagem curta pela equipe asiática, também não passou em branco e fez parte do elenco que conquistou a Super Liga Chinesa.

Mas o jogador não ficou muito tempo longe do Brasil. Logo no início de 2016, o craque foi anunciado pelo Atlético-MG. Sua passagem pelo clube de Minas Gerais lhe rendeu boas apresentações, chegando a disputar a Taça Libertadores, além de conquistar o título do Campeonato Mineiro de 2017.

Ainda em 2016, Robinho chegou a ser destaque do Galo no Brasileirão. Ao todo foram 109 partidas, além de 38 gols marcados.

Após deixar a equipe brasileira ao final de 2017, logo no início de 2018 Robinho acertou com o Sivasspor, da Turquia. Porém sua passagem durou praticamente um ano, já que, atualmente, o craque segue em terras turcas, jogando pelo İstanbul Başakşehir FK.

error: Futebol Latino 2019