Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Presidente de clube fala em “complô” ao ser acusado de combinar resultados

presidente-de-clube-fala-em-complo-para-ser-acusado-de-combinar-resultados-Futebol-Latino-03-09
Foto: Reprodução/YouTube Olimpia Media

Ainda no mês de novembro de 2019, uma informação alarmante envolvendo o presidente do Olimpia, Marco Trovato, surgiu apontando para o fato de que ele havia sido denunciado junto a FIFA por ter envolvimento em um esquema de apostas esportivas com a combinação de resultados.

Leia mais: Perto da Juventus, Luis Suárez liga para Chiellini; Saiba mais
Fica ou sai? Diretoria do Palmeiras se reúne por Luxemburgo

Em meio a insurgência da pandemia do novo coronavírus, o caso saiu um pouco dos holofotes da mídia. Mas o próprio dirigente, em entrevista dada a Rádio Monumental 1080 AM, do Paraguai, fez questão de falar abertamente sobre o caso.

De maneira clara, Trovato apontou a existência do que seria um “complô” montado com o intuito de dar provas documentais falsas a acusação. Adiantando, ainda, que estaria legalmente proibido de citar maiores detalhes do caso além da justificativa da sua tese através de acordo feito entre o Decano e a FIFA.



“Com a informação que temos dos personagens que estão envolvidos nesse tema e que armaram um complô contra nós, me parece que a bandeira da Suíça (país onde fica a Corte Arbitral do Esporte) vai terminar caindo no campo deles. É um complô que se armou onde há gente envolvida comprando provas falsas, eles apresentaram provas falsas e nós temos fotos e vídeos das pessoas comprando, envolvidas com outros clubes”, disse o presidente do Olimpia, acrescentando:

“Quando chegar o momento, teremos a sorte de demonstrar as pessoas o grande trabalho dessa Comissão Diretiva. A FIFA nos pede uma confidencialidade porque há uma investigação paralela muito importante.”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *