Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Proprietário do Chivas, Jorge Vergara morre aos 64 anos

Há alguns meses passando por problemas de saúde, empresário que comandava a companhia dona do Chivas faleceu vítima de parada cardiorrespiratória

Um triste fato envolveu o futebol mexicano na última sexta-feira (15). O empresário Jorge Vergara, presidente do Grupo Omnilife, controlador do Chivas, faleceu vítima de uma parada cardiorrespiratória na cidade de Nova York. Aos 64 anos de idade, Jorge vivia na cidade norte-americana há meses justamente para tratar de problemas de saúde.

Leia mais: La Guaira e Trujillanos abrem o mata-mata do Venezuelano com empate
Ayacucho bate Pirata Fútbol na abertura da 16ª rodada do Peruano

Em longa mensagem publicada na sua rede social, o filho do empresário, Amaury Vergara, confirmou a informação “com profunda tristeza e dor no coração”, ressaltando que seu pai “partiu rodeado de luz e em companhia da nossa família, cheio de amor e benzido pelo profundo carinho de muitos de vocês que sempre chegaram a ele.”

Amaury também informou que o velório do homem forte do Rebaño ocorrerá na cidade de Guadalajara, porém ainda não existem maiores informações sobre quando ocorrerá a despedida.



Na rede social oficial do Chivas, a mensagem foi mais curta, porém carregada de significado pelas palavras utilizadas na referência a Jorge Vergara:

“O Clube Deportivo Guadalajara lamenta profundamente o falecimento de Don Jorge Vergara. Líder, inovador, inspirador e enorme ser humano. Teu legado viverá para sempre nos corações de milhões de mexicanos.”

Jorge Carlos Vergara Madrigal se tornou famoso em todo o território mexicano com o sucesso da empresa baseada no sistema de marketing multinível que vende suplementos alimentares hoje conhecida como Omnilife mas que, em sua origem, levava o nome de Omnitron USA. Além disso, também ganhou notoriedade pelo trabalho como cineasta onde chegou a ser nomeado ao Oscar pelo filme Y Tu Mamá También.

Tendo adquirido o Chivas em 2002, Vergara constituiu uma era vitoriosa pelo clube onde, além da construção de um estádio para o clube, rendeu sete novos troféus a sua galeria: Dois da Liga MX, dois da Copa MX, um da Supercopa, um da Liga dos Campeões da Concacaf e também a Liga Femenil MX.

Outra equipe que também tem Jorge Vergara registrado em sua história é o Saprissa já que, entre 2003 e 2011, o empresário também tinha o controle do clube de maior torcida na Costa Rica.

error: Futebol Latino 2019