Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Técnico de seleção pede demissão na véspera de amistoso: “Não sabia que era tão chato”

Cansado da rotina, Gustavo Matosas encerra o seu ciclo na seleção da Costa Rica para comandar o Atlético San Luis, do México

Uma bomba caiu em cima da seleção da Costa Rica as vésperas do amistoso contra o Uruguai. De maneira surpreendente, o técnico Gustavo Matosas pediu demissão do cargo para assumir o Atlético San Luis, do México.

Leia Mais: Atacante do Napoli revela gesto de Cristiano Rolando durante clássico
Imprensa do México coloca Nico López na Liga MX a partir de janeiro de 2020

Na entrevista coletiva que comunicou a sua saída, o comandante abriu o jogo, falou sobre a dificuldade de treinar os costa-riquenhos e o futuro que vislumbra no time mexicano.

“Eu gosto do contato diário com o jogador. Vivo disso. Não é uma questão econômica e sim, algo de escolha profissional”, declarou Matosas.

“Não sabia que trabalhar em seleção era tão chato. Você não trabalha todos os dias e a impressão é que está de férias o tempo inteiro”, completou.

Pela seleção da Costa Rica, Gustavo Matosas dirigiu apenas oito partidas com três vitórias, um empate e quatro derrotas. Além disso, foram 52 jogadores convocados.

error: Futebol Latino 2019