Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Técnico do Godoy Cruz dispara contra Dudu e Deyverson

Foto: Divulgação

A coletiva de imprensa de Lucas Bernardi, técnico do Godoy Cruz, foi recheada de polêmica. De cabeça quente pela eliminação na Libertadores, o comandante do Tomba disparou contra o VAR devido ao pênalti marcado a favor do Palmeiras no começo da etapa final.

Leia Mais: Zagueiro do Godoy Cruz deixa campo revoltado e revela diálogo com árbitro
Imprensa argentina detona pênalti marcado a favor do Palmeiras
Palmeiras goleia Godoy Cruz, ameniza crise e avança na Libertadores

“O Varela não teve a intenção de tocar com a mão na bola. Essa decisão mudou o rumo da partida e nos colocou em uma situação delicada. Sem condição de reagir”, afirmou.

O treinador ainda relembrou da estreia da Superliga Argentina, quando o Godoy Cruz foi prejudicado nos minutos finais contra o San Lorenzo.

“No fim de semana foi a mesma coisa. Só mudou o adversário. Infelizmente não podemos mudar nada. Temos que aceitar o resultado”, relembrou.

Sobrou até mesmo para Dudu e Deyverson, que na sua visão, provocaram seus jogadores quando a partida estava decidida a favor do Verdão.

“Nosso time respeitou o Palmeiras do início ao fim. Os meus jogadores não mereciam passar por algumas situações na reta final da partida. Não era o momento de jogadas de efeito para tirar sarro”, concluiu.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *