Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Técnicos de Banfield e River Plate comentam polêmica da falta de energia

Hernán Crespo e Marcelo Gallardo, outrora companheiros em campo no River Plate, dessa vez estiveram em lados diferentes na Superliga Argentina
em-tons-diferentes-tecnicos-de-banfield-e-river-plate-comentam-falta-de-energia-Futebol-Latino-18-02

Além do jogo válido pela 19ª Rodada da Superliga Argentina entre Banfield e River Plate protagonizar o reencontro agora como treinadores dos ex-companheiros de River entre Hernán Crespo e Marcelo Gallardo, a queda de luz que ocorreu no embate disputado no estádio Fernando Sosa também criou um ambiente diferenciado.

Leia mais: Confira o maior estádio de cada país da América do Sul
Com La U em má fase, Herrera pede apoio da torcida

Logo depois de terminado o embate, quando perguntado sobre como a situação que durou por 20 minutos antes do restabelecimento de energia afetou sua equipe, Gallardo chegou a dizer que tudo não passou de um ato intencional por parte do Taladro, mandante do jogo:

“O corte de luz foi de propósito. Logo percebi todos os sinais. Eu sei o que estou falando. Tinha um jogador do Banfield que queria ir ao banheiro e eles não queriam ficar com um jogador a menos. Mas não vou culpar ninguém porque não tenho provas. Eu sei o que aconteceu.”

Além do tom acusatório, durante suas respostas Muñeco chegou a dizer que um atleta da equipe adversária confirmou a armação, mas disse que não revelaria o nome do mesmo.

Por sua vez, Crespo preferiu tratar a situação muito mais na postura do bom humor e dando a entender que esse é o estilo de Marcelo para, de alguma forma, “tumultuar” o ambiente:

“Eu o conheço, é malandro. Sei que ele não crê nisso, mas sei como é. Ele faz para desestabilizar. Está tudo bem, não tem problema. Não pode nunca ser levado a sério o que ele diz. Nos conhecemos a vida toda, é um grande jogador de truco também. Demonstra que, às vezes, sabe mentir para ganhar vantagem. Quis me desestabilizar com uma mentira dizendo que eu cortei a luz, mas não sou eletricista (risos).”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2019