Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Tellechea faz história com o Cerro Largo, mas avisa: ‘Queremos mais’

Jogador auxiliou com que o Cerro Largo chegasse pela primeira vez a Libertadores depois de, em 2012, ter feito o mesmo na classificação a Sul-Americana
tellechea-faz-historia-com-o-cerro-largo-mas-avisa-queremos-mais-Futebol-Latino-27-11

Se o nome do meio-campista uruguaio Matias Tellechea já integrava a história do Cerro Largo com a participação na vaga obtida para a Sul-Americana em 2012, esse prestígio se tornou mais latente com a qualificação confirmada rumo a Libertadores 2020, a primeira presença da equipe charrua na história da competição.

Leia mais: Marcelo Gallardo deixa a Liberta de lado e manda recado ao elenco do River Plate
Chivas se movimenta com força na janela de transferências

Entretanto, apesar da dimensão do feito, o atleta de 27 anos de idade pontuou que o momento é de seguir mirando objetivos cada vez mais ambiciosos para a equipe com somente 17 anos de existência.

“Como falei antes, temos um grupo muito unido aqui no Cerro Largo. Acredito que esta é a base para o nosso sucesso. Jogadores, comissão técnica, fisioterapeutas e roupeiros. Todos que nos apoiaram buscaram fazer o melhor para o time, sempre com muita vontade de melhorar e evoluir cada vez mais. Temos muita fome de glórias, esse é o nosso principal combustível. Fizemos história, mas queremos ainda mais.”

No ano de 2019, Tellechea fez 18 partidas pelos Arachanes e marcou um gol além de dar duas assistências.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2019