Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Treinador do PSG cita luta e ritmo para Cavani voltar ao time titular

Thomas Tuchel falou sobre a atual fase do atleta em não conseguir atuar entre os 11 iniciais: 'é uma fase difícil quando o time jogou bem sem ele'
demora-em-renovacao-de-cavani-com-o-psg-esquenta-chance-de-saida-Futebol-Latino-16-10

*Por Danilo Di Grado

Voltando recentemente de lesão que o deixou de fora de alguns compromissos do PSG na temporada, Cavani sabe que não terá vida fácil se quiser reconquistar seu espaço no time titular.

Leia Mais: Brasil derrota a Angola e fecha primeira fase do Mundial Sub-17 de forma invicta
Na bola parada, Nova Zelândia vence Canadá no Mundial Sub-17

Com isso, segundo o treinador do time francês, Thomas Tuchel, em entrevista coletiva, ressaltou sobre o fato do uruguaio ter se lesionado, o que lhe custou sua vaga. E para completar, com o time em evolução na temporada, frisou que o atacante deverá lutar para encontrar seu ritmo se quiser atuar entre os 11 iniciais.

“Ele ficou machucado por muitas semanas. Ele quer nos ajudar e é necessário vê-lo jogar. É absolutamente normal e ele tem que lutar para encontrar o ritmo e ter seu lugar no time. Temos que pensar na equipe em geral”, declarou.

No entanto, Tuchel deixou claro que Cavani tem sua admiração no clube. Porém, entende que o momento de outros jogadores no elenco seja melhor para a equipe na temporada.

“Cavani é o nosso artilheiro, o maior do clube, mas ele ainda pensa no coletivo. É uma fase difícil quando o time jogou bem sem ele. Agora, seu papel mudou um pouco. Ele é super profissional, está em um bom estado de espírito, treina com muita qualidade”, declarou.

error: Futebol Latino 2019