Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on print
Print

Veja os clubes que disputaram a Série B de seus países e a Libertadores no mesmo ano

Os clubes brasileiros dominam essa lista que ainda conta com um representante boliviano e outro chileno

*Por Juliano Rangel

No último domingo (02), o Tigre conquistou o título da Copa da Superliga Argentina, após bater o Boca Juniors pelo placar de 2 a 0. Com a vitória, a equipe El Matadora assegurou uma vaga na Copa Libertadores de 2020, mesmo ano em que disputará a segunda divisão argentina.

Leia mais: Quase um ano após lesão, lateral retorna ao Boca Juniors

Deportivo Pasto não poderá jogar a final do Apertura em Ipiales

Essa curiosidade não acontecerá pela primeira, mas sim pela sétima vez, sendo quatro delas com brasileiros. O Futebol Latino relembra as campanhas dessas equipes que disputaram a Série B de seus países e a Libertadores no mesmo ano.

CRICIÚMA (1992)

Classificado para a competição sul-americana depois de ser campeão da Copa do Brasil de 1991, o Criciúma esteve no grupo 2 juntamente com São Paulo, Bolívar e San José. Na estreia contra o São Paulo, vitória em casa por 3 a 0. Já no segundo jogo, na Bolívia, mais uma vitória, dessa vez sobre o San José por 2 a 1.

Na sequência, empate em 1 a 1 contra o Bolívar, derrota por 4 a 0 para o São Paulo e vitórias por 5 a 0 e 2 a 1 sobre o San José e Bolívar, respectivamente. Com quatro vitórias e nove pontos, a equipe avançou na primeira colocação para as oitavas de final, onde enfrentou o Sporting Cristal.

No primeiro jogo realizado no Peru, vitória da equipe catarinense por 2 a 1. Na volta, em Criciúma, nova vitória da equipe da casa por 3 a 2 e classificação para as quartas de final. O adversário foi o São Paulo, que venceu o primeiro jogo por 1 a 0, e, no segundo jogo, assegurou a classificação após um empate em 1 a 1. Relembre os melhores momentos desses dois jogos:

 SANTO ANDRÉ (2005)

Também classificado como campeão da Copa do Brasil, desta vez do ano de 2004, o Santo André esteve no grupo 4 junto com Palmeiras, Cerro Porteño e Deportivo Táchira. A estreia foi com derrota para o Táchira por 1 a 0, enquanto que no segundo jogo empate em casa por 2 a 2 com o Cerro.

Nos jogos contra o Palmeiras, empate em 1 a 1 fora de casa e vitória por 2 a 1 em seus domínios. Já contra Cerro Porteño e Deportivo Táchira, derrota por 1 a 0 e vitória por 6 a 0, respectivamente. Mesmo com oito pontos e duas vitórias, a equipe não conseguiu se classificar para as oitavas de final daquele ano. Relembre os gols do empate 1 a 1 entre Santo André e Palmeiras:

PAULISTA (2006)

Outra equipe classificada para o torneio sul-americano após vencer a Copa do Brasil do ano anterior, o Paulista figurou no grupo 8 com River Plate, Libertad e El Nacional. Na estreia, empate em Quito por 1 a 1 com o El Nacional. No segundo jogo, mais um empate em 0 a 0 com o Libertad.

Diante do River Plate, derrota por 4 a 1, em Buenos Aires, e vitória por 2 a 1 no antigo Palestra Itália. Contra Libertad e El Nacional derrota por 1 a 0 e empate em 0 a 0, respectivamente. Com seis pontos e uma partida ganha, a equipe ficou na lanterna do grupo e foi eliminada. Relembre os duelos diante do River Plate:

 JORGE WILSTERMANN (2011)

Classificado como campeão do Torneio Apertura boliviano de 2010, o Jorge Wilstermann figurou no grupo 6 juntamente com Internacional, Chiapas e Emelec. Na estreia, derrota fora de casa para o Chiapas por 2 a 0. No segundo jogo, nova derrota para o Emelec por 1 a 0. Nos jogos contra o Internacional, dois revés, em casa por 4 a 1 e derrota por 3 a 0 em Porto Alegre.

Contra Emelec e Chiapas empate em 0 a 0 e vitória por 2 a 1, respectivamente. Com quatro pontos e apenas uma vitória, a equipe se despediu da competição na última colocação do grupo. Reveja os melhores momentos diante o Internacional.

 

PALMEIRAS (2013)

Campeão da Copa do Brasil de 2012, o Palmeiras participou do grupo 2 com Tigre, Libertad e Sporting Cristal. Na estreia, vitória sobre o Sporting Cristal por 2 a 1. Na segunda partida, derrota para o Libertad por 2 a 0. Nos duelos contra o Tigre, derrota por 1 a 0 e vitória por 2 a 0.

Diante do Libertad e do Sporting vitória por 1 a 0 e derrota por 1 a 0, respectivamente. Líder com nove pontos e três vitórias, a equipe avançou para as oitavas de final, onde enfrentou o Tijuana, do México. Na ida, empate em 0 a 0, e, na volta, derrota em casa por 2 a 1. Relembre os melhores momentos destes dois duelos:

SANTIAGO WANDERERS (2018)

Classificado para a competição como campeão da Copa do Chile de 2017, o Santiago Wanderers entrou na segunda fase do torneio, onde enfrentou o Melgar, do Peru. No duelo de ida, empate em 1 a 1, e, na volta, vitória por 1 a 0.

Com o triunfo, a equipe se classificou para terceira fase, onde caiu para o Independiente Santa Fe com duas derrotas por 2 a 1 e 3 a 0. Relembre os melhores momentos destes dois jogos: