Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Virou passeio! Equador massacra Uruguai na altitude de Quito

Foto: Divulgação/La Tri

No estádio Casa Blanca, em Quito, o Equador não tomou conhecimento do Uruguai e aplicou uma goleada de 4 a 2. O resultado deu os primeiros três pontos a Tri, mesmo desempenho da Celeste, que conhece a sua primeira derrota nas Eliminatórias.

OS_BRAZIL_300x250_2020_Q3_SOC

Leia Mais: Sem trauma! Argentina, de virada, supera a Bolívia nas Eliminatórias em La Paz
Torcedores do Peru provocam Brasil antes de jogo: “7 a 1”



Na próxima rodada, o Equador encara a Bolívia, em La Paz. O Uruguai busca a recuperação com a Colômbia.

O duelo

O Equador começou o jogo com o pé no acelerador. A primeira chance não demorou muito e Campaña fez milagre em chute de Estrada. Pouco depois não teve jeito. Aos 14 minutos, na cobrança de escanteio, Caicedo se antecipou ao goleiro e mandou para a rede, 1 a 0.

O Uruguai até reagiu e chegou a balançar a rede, mas Brian Rodríguez estava impedido e o gol acabou anulado.

Nos minutos finais o Equador ampliou. Em lançamento do lado direito, Mena é acionado na grande área e Godín cortou, porém entregou a bola nos pés de Estrada, que acertou um chutão de primeira e venceu Campaña, 2 a 0.

Na volta dos vestiários Tabárez mexeu na equipe e colocou a Celeste no ataque. Logo aos 2 minutos, Núñez, que saiu do banco de reservas, recebeu na área e soltou o pé. A bola pegou na trave e o meio-campista balançou a rede. O VAR entrou em ação e viu toque na mão do volante, fato que anulou o gol.

A resposta do Equador foi imediata. Na saída de jogo errada, Valencia encontrou Estrada que só tirou do goleiro, 3 a 0.

Abatido, o Uruguai não conseguia mais recuperar o seu ânimo e viu o Equador tomar conta da partida. O resultado não poderia ser outro e Plata, após bela troca de passes na área uruguaia, aumentou ainda mais a vantagem, 4 a 0.

O gol de honra do Uruguai veio apenas aos 38 minutos. Jonathan Rodríguez foi derrubado na área e o juiz deu pênalti. Na cobrança, Luis Suárez descontou.

Ainda nos acréscimos deu tempo de sair o segundo do Uruguai. Em nova cobrança de pênalti, Suárez mandou para o fundo das redes e chegou ao terceiro gol no Qualificatório.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *