Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Volante do Atlético de Madrid determina saída da Europa e quer jogar na América do Sul

jogador-do-atletico-de-madrid-posa-com-a-camisa-do-boca-juniors-Futebol-Latino-25-12
Foto: Reprodução/Instagram @ltorreira34

Uma verdadeira bomba caiu na La Bombonera. Lucas Torreira, do Atlético de Madrid foi claro e direto: quer sair da Europa e acertar contrato com o Boca Juniors.

OS_BRAZIL_300x250_2020_Q2_SOC

Leia Mais: Millonarios se pronuncia sobre caso envolvendo Fredy Guarín
Guarín é preso na Colômbia acusado de violência doméstica

Em diálogo com a ESPN, o volante uruguaio voltou ao seu país por conta do falecimento da sua mãe e durante um bate-papo com seu pai admitiu a vontade de atuar pelo clube argentino.

Na opinião de Torreira, a hora para jogar na América do Sul é agora e ele quer realizar esse sonho de vestir o manto do time do coração.

“A minha mãe faleceu, estava triste e comecei a refletir. Na madrugada, chamei o meu representante e comuniquei que eu quero jogar no Boca Juniors. Eu não quero mais atuar na Europa”.

A identificação de Torreira com o Boca Juniors é antiga. Quando estava no Arsenal, o uruguaio havia manifestado a vontade de jogar atuar pelo clube argentino no futuro e animou a fanática hinchada.

Contrato

O vinculo de Torreira com o Atlético de Madrid termina em junho deste ano e depois volta ao Arsenal, clube que é dono dos seus direitos federativos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O Futebol Latino sabe que a alegria do esporte bretão do continente americano é bem mais do que Brasil, Argentina e Uruguai. Isso porque o amante da bola quer mesmo é saber de tudo, desde a final do Brasileirão até a 5a rodada do Peruano, com a mesma seriedade e com a mesma paixão. Leia Mais

Entre em contato conosco: comercial@futebolatino.com.br

© Futebol Latino - Todos os Direitos Reservados - 2019 | Por Diegão ©