Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Brasileiro relata rotina no Japão com o coronavírus: “Não há vida fora de casa além do treino”

zagueiro-brasileiro-relata-rotina-no-japao-com-o-coronavirus-Futebol-Latino-11-03
Foto: Divulgação

Com o território asiático sendo o mais afetado pelo surto de casos relacionados ao coronavírus, tecnicamente chamado pela Organização Mundial de Saúde de Covid-19, eventos esportivos importantes como a J-League e a J-League 2, as principais divisões do futebol japonês, seguem paralisadas.

Leia mais: Deportivo Pasto empata e desperdiça chance de assumir liderança na Colômbia
Deportivo Madryn elimina Platense da Copa Argentina

O zagueiro brasileiro Renan, que atua no Renofa Yamaguchi, reconhece que o impacto da doença tem sido muito grande não apenas no aspecto profissional como também pessoal. Isso porque, com os aconselhamentos dados para evitar aglomerações que facilitem a transmissão, a vida social tanto dele como de sua família ficou bastante comprometida nos últimos tempos.

Renan fez o adendo de que, apesar do contexto, nenhum clube apresentou até o momento a iniciativa de liberar os atletas ou mesmo algum jogador brasileiro em especial apresentou qualquer tentativa de conseguir uma liberação antecipada.

A informação recebida pelo atleta de 23 anos de idade com passagem no Brasil pela base do Red Bull Brasil e Palmeiras além do time principal da multinacional e o Foz do Iguaçu foi de que a previsão inicial de retorno das atividades está fixada entre o fim de março e o começo do mês de abril. Entretanto, ainda em tom de absoluta incerteza.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2019